Brotas pode perder até 8 mil vacinas, por desligamento de Freezer

Estado de SP pode perder até 8 mil doses

O desligamento de uma geladeira do Posto Central de Brotas (SP) pode provocar a perda de até 8 mil vacinas. O equipamento foi desconectado na madrugada desta quinta-feira (28/04) e agora as doses de combate à raiva, rubéola, tétano, hepatite e sarampo terão de passar por uma análise. Se for verificado que perderam a eficácia, serão descartadas, um desperdício enorme ao combate dessas doenças. Uma sindicância foi aberta pela Prefeitura para apurar o caso.

Trabalhadores da unidade notaram o desligamento pela manhã. Eles chegaram para trabalhar, viram que o equipamento não estava funcionando e acionaram a Vigilância Epidemiológica. "Quando o funcionário abriu a porta da sala de vacina a geladeira estava desligada e não tinha nenhum sinal de arrombamento", disse Jussara Susi, responsável pelo órgão.

Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, a chave da sala fica com poucos funcionários, mas antigamente muitas pessoas tinham acesso ao local e existe a suspeita de que alguém tenha realizado uma cópia e entrado no estabelecimento.


Impacto
As vacinas da campanha da gripe e da campanha contra o vírus H1N1 foram entregues nesta quinta-feira, quando a geladeira já havia sido religada, e devem ser distribuídas normalmente.

Os demais tipos, que tiveram o estoque afetado pelo episódio, foram solicitados novamente. "A gente já entrou em contato com a nossa regional e eles vão disponibilizar as vacinas que estão comprometidas no momento", explicou Jussara. Uma equipe da Vigilância deve ir a Bauru buscar as doses na manhã desta sexta-feira (29) e a previsão é de que o serviço seja normalizado no mesmo dia, no período da tarde.


Reforço na segurança
A fechadura da sala foi trocada e a Guarda Municipal já pediu imagens das câmeras de segurança para tentar identificar quem entrou no local. Foi registrado um boletim de ocorrência e a prefeitura deve abrir uma sindicância para apurar o caso.

Fonte: meio norte