Concurso do TJ- Piauí será anulado após tentativa de fraude

Cinco candidatos tentaram fraudar o seletivo.

O Promotor de Justiça Francisco de Jesus, membro do Ministério Público do Piauí vai solicitar ao Tribunal de Justiça a anulação do concurso realizado no último domingo. O concurso público para a contratação de servidores para o Poder Judiciário será anulado após a prisão de cinco candidatos que tentaram fraudar o seletivo usando telefone celular com gabarito das provas.

“O melhor caminho é anular o concurso e eu espero que o desembargador do Tribunal de Justiça aceite o pedido de anulação. Da próxima vez, a organizadora do concurso deve ser mais eficiente na questão da segurança”, disse Francisco de Jesus.

Foi detido um adolescente de 17 anos. Evelyn Mariane Oliveira Ferreira, Francisco Ivanderson Alves da Silva, Wallace Araújo Reis e Bárbara Brenalle Teles de Oliveira foram presos em flagrante com aparelhos celulares durante as provas realizadas na tarde de domingo e encaminhados para a Central de Flagrantes.Eles pararam fiança e foram liberados para responder pelo crime em liberdade. Se condenados pela justiça podem pegar até quatro anos de prisão.

A polícia, através do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO) conduz as investigações.

Tribunal de Justiça do Piauí (Crédito: Reprodução )
Tribunal de Justiça do Piauí (Crédito: Reprodução )




logomarca do portal meionorte..com