A vingança não convém ao cristão

A vingança não convém ao cristão

O que você pensa sobre vingança? Você já precisou vingar-se de alguém? Dizem que a vingança é um prato pra se comer frio ou requentado. Essas expressões denotam que a vingança requer paciência.

Do ponto de vista bíblico , o cristão deve abster-se de vingar-se, sendo essa uma atribuição de Deus que age no momento certo para nos defender.

A Bíblia está repleta de exemplos em que Deus agiu não como um ser vingativo, mas um Deus justo que não admite injustiças. Um desses exemplos é o de José, filho caçula de Jacó, vendido por seus irmãos mais velhos.Na verdade, José foi vítima da inveja e maldade de quem poderia protegê-lo.Levado ao faraó Potifar, no Egito, José era visto como um homem em quem estava o Espírito de Deus.

Quando tornou-se governador no Egito, José ganhou poderes e teve oportunidade de vingar-se dos irmãos, mas ao contrário disso, agiu com amor e misericórdia ajudando-os num momento de grande dificuldade.

É assim que deve agir o verdadeiro cristão. Quando formos vítimas de injustiças ou da maldade de alguém não devemos nos atribular ou revidar. Essa é uma providência que Deus tomará a seu tempo.

Diante das injustiças e atrocidades desse mundo cabe-nos esperar no Senhor, sempre firmes no que o apóstolo Paulo nos diz na carta aos Romanos: "Não vos vingueis a vós mesmos, amados, mas dai lugar à minha ira, porque está escrito: a mim pertence a vingança, eu é que retribuirei, diz o Senhor".(Rm 12;19)

logomarca do portal meionorte..com