Confira 5 coisas erradas que provavelmente você está fazendo com a camisinha

Erros com camisinha que provavelmente você está cometendo

Além de método eficaz para evitar a gravidez indesejada, a camisinha ainda é a melhor forma de se prevenir contra doenças sexualmente transmissíveis. Isso, obviamente, se ela for utilizada corretamente.

Para algumas pessoas, isso pode parecer banal ou exagerado, mas quando se trata de doenças sexualmente transmissíveis e gravidez indesejada, o cuidado extremo nunca é demais. Além disso, você certamente será mais capaz de se divertir e ter prazer durante o sexo se estiver relaxada, segura e longe de preocupações.

Item obrigatório para momentos de prazer, o preservativo não deve ser algo estranho para você no momento. Se você for uma mulher consciente, já está habituada e conhece tudo sobre a camisinha. No entanto, existe a possibilidade de você estar fazendo uma ou outra coisa errada com ela e deixando o seu sexo um pouco menos seguro.

Confira 5 falhas que você pode estar cometendo na hora de se prevenir:

Camisinha no bolso: se você vir seu parceiro tirando uma camisinha da carteira, do bolso de trás da calça, talvez seja melhor você oferecer a sua. Isso porque atrito e calor excessivo pode danificar e acabar com a eficácia do preservativo.

Você não deixar espaço suficiente na ponta: se houver pouco ou mesmo nenhum espaço na ponta, o risco de a camisinha falhar pode ser grande. Aperte a ponta do preservativo ao desenrolar no pênis do parceiro.

Demorar para colocar: o preservativo deve estar presente em todo o momento durante o ato sexual e não somente na hora da ejaculação, como algumas pessoas podem acreditar. Para uma proteção integral contra doenças ou gravidez, ela deve ser utilizada do início ao fim do ato.

Tamanho errado: a maioria dos preservativos seguem um padrão de tamanho que acaba servindo para quase todos os homens. Porém, se seu parceiro tiver o pênis muito maior ou menor, a camisinha pode estourar ou mesmo escorregar.

Data de validade: na hora H, quase ninguém se lembra disso, por isso é sempre válido checar a validade do produto antes de sair de casa. Saiba que cada marca possui um tempo próprio de expiração e que, mesmo que ainda dentro do prazo de validade, armazenar em ambientes corretos, armazenados e sem riscos de rompimento, é essencial.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Bolsa de Mulher