Amy Winehouse é detida por agressão a diretor de teatro

Cantora foi julgada mas foi liberada após pagamento de fiança

 O episódio de agressão a um diretor teatral no último fim de semana, na Inglaterra, custou caro a Amy Winehouse. Após ter ser apresentado voluntariamente, hoje (23), a cantora foi detida e acusada pela polícia de Milton Keynes (sul da Inglaterra), por ter agredido o diretor de teatro durante a apresentação da peça “Cinderela” no sábado (19).

Segundo o site "TMZ", a britânica foi liberada provisoriamente após o pagamento de uma fiança, mas terá de enfrentar o juiz novamente no dia 20 de janeiro. Esta foi a segunda detenção de Amy só neste ano. Ela foi presa em março por agredir fãs. Em maio deste ano, Winehouse agrediu um grupo de paparazzzi após perder o horário de visita na prisão onde seu marido cumpria pena.

 

<br><img src="http://static.meionorte.com/uploads/imagens/carmemdea/122009/1cc8950f2bcad318dc630ad65b460c1d.jpg" width="300" height="400" /><br>

Fonte: Quem, revistaquem.globo.com