Amy Winehouse tem recaída e volta a dar vexame

Amy Winehouse tem recaída e volta a dar vexame

Durou pouco tempo a fase ‘boa moça’ de Amy Winehouse

Durou pouco tempo a fase ?boa moça? de Amy Winehouse. A turbulenta cantora inglesa, que andava bem comportada depois de engatar um namoro com o cineasta Reg Travis, teve uma recaída na noite desta quinta-feira (22). Convidada do aniversário de Damien Marley, filho de Bob Marley, no badalado clube Kayashi, em Londres, ela fez a festa dos fotógrafos ao sair do local aparentemente alterada.

Cambaleando e caminhando até o carro com a ajuda dos amigos, Amy mostrou a língua, fez careta e até mostrou o dedo do meio aos paparazzi, cenas que lembram o auge do descontrole da cantora, entre 2008 e meados de 2009.

Amy era assumidamente viciada em heroína e crack, e chegou a ser internada três vezes por conta de uma infecção pulmonar. O pai dela, Mitch, fazia apelos públicos para tentar convencer Amy a se tratar em uma clínica de reabilitação. Vencedora de cinco Emmys em 2008 pelo CD ?Back to Black?, Amy foi a artista britânica que mais vendeu álbuns naquele ano.

O relacionamento ioiô e volátil com Blake Fielder-Civil, com quem ela ficou casada de maio de 2007 a julho de 2009, foi responsável por vários escândalos da vida pessoal de Amy. Fielder-Civil, segundo o jornal inglês ?News Of The World?, foi quem apresentou as drogas à cantora. Ao longo do casamento os dois protagonizaram brigas e discussões públicas, com direito a pactos de morte e agressões.

Depois da separação, Amy passou um ano sabático na Ilha de Santa Lucia, no Caribe, onde adotou uma rotina mais saudável. De volta à Inglaterra, no começo deste ano, ela se internou mais uma vez em uma clínica de reabilitação e, quando saiu, passou a ser considerada pela imprensa inglesa uma nova mulher.

Fonte: IG