Após anulação de condenação de Dado, Piovani desabafa na web

Após anulação de condenação de Dado, Piovani desabafa na web

No mesmo texto, Luana enumerou seu ódio por “injustiça”, “explicação do óbvio” e “descumprimento do combinado”

Sem citar a anulação da condenação de Dado Dolabella, Luana Piovani usou as redes sociais para fazer um desabafo: ?O bom da vida é ter filho... Aprender através dele que mais nada importa senão ele! Perante a vida, eu faço minha parte, mas não vou mudar o mundo, ninguém vai... O mundo é que muda a gente?.

No mesmo texto, Luana enumerou seu ódio por ?injustiça?, ?explicação do óbvio? e ?descumprimento do combinado?. ?Aprendi a tolerar a rotina medíocre do "manda quem pode e obedece quem tem juízo". Daí, quando vem aquela vontade louca de gritar e pedir chega, pondero: Ele tem saúde! Eu também! Dane-se o resto?, desabafou a atriz, que publicou uma foto abraçada ao filho.

Na última quarta-feira, o advogado de Dado Dolabella, Michel Assef, conseguiu na Justiça que a condenação por agressão à atriz, enquadrada na Lei Maria da Penha, fosse anulada. Dado havia sido condenado a 2 anos e 9 meses em regime aberto, mas recorreu e, desta vez, o Tribunal considerou que a atriz não pode ser amparada pela Lei, por não ser uma mulher ?hipossuficiente nem vulnerável?.

Em conversa, Dado Dolabella comemorou a vitória. "?Foi aquilo que eu escrevi mesmo no meu Facebook. O mal voltando de onde saiu. O importante é que todos podem enxergar que ela começou a destilar esse veneno todo?, afirmou o ator, que depois foi mais político.

?A resposta foi dada na Justiça. Hoje, ela é mãe e eu sou pai, a minha vida está três vezes mais legal (o ator é pai de três filhos) e eu não quero continuar nesta polêmica. Estou feliz e torço pela felicidade dela, que ela seja feliz com o filho dela?, afirma o ator, que também não engole ter ficado com a imagem arranhada. ?É muito complicado ter essa imagem de agressor de mulher?, completa.

Fonte: Extra