Após sumiço, vocalista do Killing Joke é encontrado no deserto

Após sumiço, vocalista do Killing Joke é encontrado no deserto

O músico isolou-se para trabalhar no projeto de um disco e terminar de escrever um livro.

Jaz Coleman, 52, resolveu aparecer. O vocalista do Killing Joke foi encontrado no deserto africano, mais precisamente no Saara ocidental, após duas semanas sem dar notícias aos colegas de banda.

O músico isolou-se para trabalhar no projeto de um disco e terminar de escrever um livro. "Para que essa confusão toda?", ironizou o músico em comunicado publicado em sua página oficial no Facebook. A nota afirma que ele tem levado uma vida nômade no deserto há pelo menos um mês.

No fim de julho, a banda Killing Joke comunicou o desaparecimento de Jaz Coleman também no Facebook. "Estamos todos preocupados com o bem-estar do nosso vocalista."

O sumiço de Coleman fez com que a banda fosse tirada da turnê que faria com The Cult e The Mission. "Estamos profundamente envergonhados e oferecemos nossas sinceras desculpas a todos os envolvidos", disseram os integrantes.

No início do ano, o Killing Joke lançou seu 15º álbum, "2012".

Fonte: UOL