Bieber tem acusação de embriaguez ao volante retirada pela Corte de Dade

O astro de 19 anos não responderá mais às acusações por dirigir embriagado.

Depois de uma semana muito conturbada em sua vida pessoal, Justin Bieber pode abrir um largo e sincero sorriso nesta segunda-feira (27). É que, apenas poucos dias depois de sua prisão por dirigir alcoolizado e sob efeito de drogas em Miami Beach, a Corte do Condado de Miami-Dade simplesmente retirou as principais acusações contra o cantor, solto horas após ter sido colocado sob custódia da polícia, na quinta (23), depois de pagar fiança de US$ 2,5 mil.

O astro de 19 anos não responderá mais às acusações por dirigir embriagado e portando uma carteira de motorista vencida. Uma virada curiosa no processo, já que Bieber teria falhado nos testes de sobriedade feitos no dia do incidente, além de ter admitido a ingestão de cerveja e o consumo de maconha antes de entrar no carro.

Assim, de acordo com documentos divulgados pela corte, Bieber só será julgado por ter resistido à prisão sem o uso de violência, acusação com grandes chances de ser descartada tendo em vista a credibilidade do policial responsável pela abordagem do astro, que teria mentido a respeito da velocidade com que ele guiava um Lamborghini alugado no momento da prisão, acusando-o de disputar um racha com um amigo.

Tudo bem distante do relatório da prisão, segundo o qual Bieber dirigia a até 96 km/h, o cantor não estava a mais de 45 km/h no momento da abordagem. A nova audiência do astro estava marcada para ocorrer às 8h30 desta segunda-feira (14h30 no horário de Brasília).

Fonte: Terra