Calote: Britney Spears não paga segurança e vai ser processada

Calote: Britney Spears não paga segurança e vai ser processada

A cantora deve US$ 141 mil a uma empresa de segurança pessoal

Você já parou pensar quanto custa para uma celebridade ter um time de seguranças 24 horas por dia, 365 dias por ano? Segundo a Advanced Security Concepts Corporation, que trabalhou para Britney Spears em 2010, o valor ultrapassa US$ 300 mil (R$ 537,5 mil).

O problema é que, apesar de milionárias, as celebridades nem sempre pagam suas contas.

Segundo documentos legais obtidos pelo site TMZ, a empresa de segurança está processando Spears por deixar de pagar serviços prestados por ela durante metade do ano de 2010.

A conta chega a US$ 140 mil (R$ 250,8 mil).

A ASCC alega que os representantes de cantora estão segurando o pagamento desde que um ex-segurança da empresa, Fernando Flores, entrou com processo contra Britney, no ano passado, acusando a Princesa do Pop de assediá-lo sexualmente. Britney sempre negou as acusações.

Na ação, a ASCC diz que o time de Britney pediu a empresa que cobrisse os custos legais da cantora no caso de Flores, mesmo sabendo que a firma de segurança não tem obrigação disso.

A ASCC alega que depois do episódio com Fernando Flores, Britney não só dispensou os serviços da empresa como deixou de pagar os US$141.625,00 que lhe devia pelo serviço prestado até então.

Os representantes de Spears não responderam ao pedido de esclarecimento do TMZ.

Fonte: O Fuxico