Cantora condenada por tirar roupa em video

Cantora condenada por tirar roupa em video

Em clipe lançado em março, cantora fica nua e anda por ruas de Dallas

A cantora americana Erykah Badu foi multada em US$ 500 e condenada a seis meses de liberdade condicional depois de rodar um vídeo, em março, no qual aparece tirando a roupa em público e caminhando pelas ruas de Dallas até chegar ao local onde o presidente John F. Kennedy foi assassinado.

Um porta-voz da cidade, no Texas, disse nesta terça-feira (17) que Badu já pagou a multa e que cumprirá seis meses de liberdade condicional pelo que fez com fins artísticos, segundo o jornal "Los Angeles Times".

O vídeo de "Window Seat" começa com Badu descendo de um carro e caminhando por uma rua, à plena luz do dia, com trabalhadores e famílias olhando enquanto a cantora vai tirando a roupa até chegar completamente nua ao local onde, em 1963, foi morto o presidente Kennedy em Dallas. A cantora nasceu nesta cidade, em 1971.

A canção "Window Seat" foi, em março, um dos temas mais escutados, segundo rankings de "Rythm and Blues", após ser escolhido o single promocional do álbum "New Amerykah Part Two: Return of the Ankh", lançado este mês.

Fonte: g1, www.g1.com.br