Carente, Geisy Arruda dispara: ‘Cansei de ficar solteira’

Sete quilos mais magra e cuidando de si mesma, a ex-estudante diz que os homens têm medo dela.

Geisy Arruda está carente. A ex-estudante, que recentemente passou por lipoaspiração, cirugia íntima, rinoplastia e emagreceu sete quilos após passar um tempo em um SPA, está à procura de um namorado. Geisy contou que está se sentindo muito bem com si mesma, mas que falta alguém para dividir tudo isso.

?Eu estava conhecendo uma pessoa, mas não deu certo. Estou sim à procura de um grande amor. Eu cansei de ficar solteira, isso é legal por um tempo, para curtir, aproveitar, mas passou. Adoraria encontrar uma pessoa bacana, que venha completar todo este momento que eu estou vivendo, para fazer parte da minha vida mesmo?.

Independente e autossuficiente como ela mesma se define, Geisy contou que os homens sentem medo dela. ?Eu intimido os homens por me acharem muito independente, segura de si mesma, eles ficam com medo até de chegar em mim para conversar. Eu sinto isso nas baladas, eles olham, mas ficam com vergonha, sempre sou eu que tomo a iniciativa e vou?.

Exigente, ela declarou recentemente que não está mais ?fazendo caridade? e conta que tipo de homem está procurando para se apaixonar. ?Eu quero um homem que cuide de mim, que eu posso me sentir protegida, que me coloque na rédea curta. Mas quero um homem que também aceite meu trabalho, prefiro que não faça parte do meio artístico para nem dar pitaco nas minhas coisas?.

Após a recauchutagem no corpo no final do ano passado, que incluiu a cirurgia íntima, ela já voltou a ter uma vida sexual ativa e contou que o procedimento só melhorou sua vida neste aspecto.

?A cirurgia não atrapalhou em nada, só melhorou. Esteticamente está muito mais bonito, me sinto mais confortável, confiante. Agora posso usar uma lingerie mais transparente e abusar da sensualidade?, explicou. ?Eu ainda estou estreando, na verdade, estou me redescobrindo como mulher, estou dividindo por partes e está sendo muito bacana, uma experiência nova?.

Fonte: EGO