Casados felizes têm menos chance de morrer de AVC

Os dados foram colhidos num universo de 10 mil servidores públicos israelenses

Um estudo médico israelense revelou que homens casados e felizes têm menos chance de morrer em decorrência de um AVC (acidente vascular cerebral) do que aqueles que permaneceram solteiros. O estudo, realizado pela Universidade Tel Aviv, mostrou que solteiros têm 64% mais chances de sofrerem um AVC fatal do que os casados e que aqueles que mantêm um casamento infeliz também têm 64% mais chances de morrer em consequência de um derrame do que os bem-casados. Os dados foram colhidos num universo de 10 mil servidores públicos israelenses num período de 45 anos (desde 1965). Os pesquisadores agora esperam reunir dados para analisar a situação de mulheres casadas.

Fonte: Assessoria