Celular é o que mais irrita no trânsito

Cerca de mil pessoas participaram do estudo, encomendado pela empresa Autonational Rescue

Motoristas que falam no celular enquanto dirigem são a maior fonte de irritação para os britânicos no trânsito, segundo uma pesquisa.

Cerca de mil pessoas participaram do estudo, encomendado pela empresa Autonational Rescue, que oferece serviços de socorro a motoristas cujos carros quebram nas estradas do Reino Unido.

Dessas, 64% consideram o uso do celular o comportamento mais irritante.

Ultrapassar em situações perigosas e "cortar" (ou "fechar") outros motoristas são, nessa ordem, o segundo e terceiro pior hábito dos que dirigem no país.

Correr demais, bloquear a faixa do meio e dirigir muito devagar também foram incluídos na lista dos piores hábitos.

Motoristas britânicos, assim como brasileiros, são proibidos de usar o celular quando dirigem a não ser que usem um fone de ouvido acoplado ao aparelho ou um sistema de viva-voz, de forma a manter suas mãos livres.

Mas segundo o gerente de marketing da Autonational Rescue, Ronan Hart, muitas pessoas não se dão conta de que a proibição também se aplica quando o motorista está parado no sinal ou no congestionamento.

"A única exceção válida é se você usa o telefone para discar 999 (número do serviço de emergência britânico) em uma emergência verdadeira quando não seria seguro parar", disse Hart.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br