Cena do filme Amanhecer provoca convulsões em espectadores

Muitos casos de convulsões estão ocorrendo nos EUA

A cena do parto de Bella Swan, interpretada por Kristen Stewart em Amanhecer ? Parte 1, talvez seja o ponto alto do novo filme da saga Crepúsculo, mas vem perturbando os fãs que têm ido ao cinema ver o longa. Segundo a ABC News, alguns espectadores tem passado mal no cinema por causa da tensão da cena. Brandon Gephart, um fã da Califórnia, estava assistindo ao filme, na última sexta-feira (18), dia da estreia, quando começou a ter convulsões.


Cena do filme Amanhecer provoca convulsões em expectadores

Sua namorada, Kelly Bauman contou à rede de televisão que ele não se lembra de nada até acordar no chão do cinema, quando estava sendo atendido por paramédicos. A sessão foi interrompida para o atendimento de Brandon.

Mas este não foi um caso isolado. Casos semelhantes aconteceram em outras cidades dos Estados Unidos. Um casal de Utah disse que a intensa cena provocou desmaio no marido e o fez tremer da cabeça aos pés. "Não me lembro do que aconteceu. Eu apenas desmaiei. Segundo minha mulher, eu comecei a tremer e a fazer barulhos diferentes." O casal confessou ter saído antes do término da sessão, mas quando voltaram, no dia seguinte, ficaram sabendo que um outro caso havia acontecido no cinema com uma garota que assistia ao mesmo filme.

Os sintomas aparecem sempre na cena do parto.

O Dr. Michael G. Chez, especialista em neurologia e epilepsia do Sutter Medical Center de Sacramento, explicou os sintomas: "É como se apagassem a luz, porque atinge o cérebro repentinamente. O problema nos cinemas é que o ambiente é escuro e as luzes começam a pulsar na tela. É como se fosse uma luz estroboscópica."

Amanhecer estreou na sexta-feira (18) e já vem quebrando recordes de bilheteria. Em seu fim de semana de estreia, o longa faturou U$ 138,1 milhões (R$ 262,1 milhões), o que representa a quinta maior bilheteria de estreia de todos os tempos.

O último filme da saga, Amanhecer ? Parte 2, estreia em 16 de novembro de 2012.

Fonte: O Fuxico