Cleo fala sobre divórcio e namoros: ‘Nem gosto desse termo casamento’

Aos 30 anos — e quase 20 de carreira —, a atriz quer mais é "quebrar tudo"


Cleo Pires fala sobre divórcio e relacionamentos: ?Nem gosto desse termo casamento?

Ela se joga mesmo. Na cara e na coragem, despida de qualquer pudor ou preconceito. Tudo em nome da felicidade. Falando assim, parece que estamos descrevendo a destemida Bianca, de "Salve Jorge", que abriu mão de uma vida confortável para correr atrás do amor de Zyah (Domingos Montagner). Mas não. Esse breve resumo é sobre Cleo Pires.

Aos 30 anos ? e quase 20 de carreira ?, a atriz quer mais é "quebrar tudo", conhecer novas sensações, sem medo de críticas. Solteira após três anos de relacionamento com o publicitário João Vicente de Castro, a filha de Gloria Pires e Fabio Jr. mostra sua visão sobre o casamento e a maternidade, e afirma que o coração "está bem".

Após um dia de aula de dança ? e cantarolando músicas orientais ?, Cleo recebe a Canal Extra em casa e vai direto ao ponto: "Vamos lá! Comigo é sempre uma guerra!". Mas a bela morena parece estar desarmada e, assim, revela quem é de verdade na entrevista a seguir.

Recentemente, disseram que você se separou por causa de um caso com o Domingos Montagner, o Zyah de "Salve Jorge". Como você lida com tudo isso?

Acho superdesafiador. E adoro desafio. Lógico que você fica com raiva de certas pessoas, mas faz parte. Você tem uma vida pública e as pessoas têm interesse em você.

Mas você chegou a conversar com ele sobre isso?

Não me envolvo com essas coisas. Entendo e aceito que elas aconteçam. Não fico querendo bater palma para maluco dançar. Então, o que querem ou não falar, o que as pessoas acham, realmente não me interessa. Me interessa viver, sentir que estou fazendo o meu melhor, que estou evoluindo, que erro mesmo, mas me levanto.

Você foi fotografada com o (ator) Rômulo Neto. Estão namorando?

Não, mas meu coração está bem.

Casaria de novo?

Acho tão complexo esse assunto. Ainda estou num processo de entendimento dos meus motivos, de como contribuí para a relação chegar onde chegou. E nem gosto desse termo "casamento". Acho muito cristalizado. Quer dizer um tipo de vida que não me interessa. Não quero ser porto seguro de ninguém nem estar uma relação que me dê apenas segurança. Se quiser me aliar a alguém é para criar asas e ganhar o mundo, quebrar tudo. E o que vejo dos casamentos não gosto. Me senti limitada, mas pela consciência que tinha. Deixei de passar por processos importantes.

Sua mãe sempre fala que quer ser avó. Você se vê mãe?

Mas ela fala isso, desde que nasci! Sou supermaterna com meus irmãos. Gosto de orientar, cuidar, ajudar a evoluir. E ser mãe é isso. Mas acho que é um caminho muito natural. Não sou o tipo de pessoa que fala "pronto, agora vou ser mãe". As coisas vão acontecer naturalmente.


Cleo Pires fala sobre divórcio e relacionamentos: ?Nem gosto desse termo casamento?

Cleo Pires fala sobre divórcio e relacionamentos: ?Nem gosto desse termo casamento?

Cleo Pires fala sobre divórcio e relacionamentos: ?Nem gosto desse termo casamento?

Fonte: Extra