Crianças usam rede social para encontrar pais biológicos

Crianças usam rede social para encontrar pais biológicos

Pais que perderam a guarda dos filhos também aproveitam a rede para tentar localizar as crianças

O Facebook tem se tornado um problema nos processos de adoção no Reino Unido. Uma recente pesquisa da Associação Britânica para a Adoção e Fomento revelou que 53% das crianças adotadas no país tentam encontrar os pais biológicos através da rede social.

Por outro lado, as famílias adotivas também têm encontrado problemas com os país biológicos que se utilizam do domínio para para tentar localizar os filhos.

Na maioria dos casos, os pais biológicos perderam a guarda dos filhos por negligência e variados tipos de abuso, entretanto, ao entrar em contato com as crianças, esses fatos são omitidos para reconquistar a confiança dos pequenos.

Há caso de crianças que fugiram de seus lares adotivos após o contato com os país biológicos via Facebook. Em entrevista ao jornal Daily Mail, um porta-voz da rede social afirmou a preocupação da empresa em relação ao problema e orientou os pais a utilizarem as configurações de privacidade da página para acompanhar a vida virtual dos filhos.

"Essas configurações permitem que você controle quem pode lhe enviar mensagens, pedidos de amizade, viasulizar fotos e informações pessoaos. É possível também bloquear as pessoas com as quais você não quer contato nenhum", explicou ao jornal.

Fonte: Crescer