10 animais mais perigosos do mundo

10 animais mais perigosos do mundo

Alguns podem ser considerados bastante perigosos

Alguns animais podem ser considerados bastante perigosos. Embora poucos deles realmente metam medo, a verdade é que as toxinas dos animais mais mortais do planeta são muito potentes.

Para você ficar sabendo mais sobre esses animais, confira a nossa lista especial:

1. Mosca do sono

Também conhecida como mosca tsé-tsé, elas não têm qualquer veneno. Mas na verdade, transmite a doença do sono, por meio de uma espécie de protozoário, que se reproduz dentro do corpo humano até invadir o cérebro de suas vítimas. A doença, por sua vez, causa febres, tremores, dores musculares, vários problemas neurológicos e, dependendo da agressividade, pode matar entre 6 meses e 6 anos depois do início da infecção.

2. Peixe-pedra

Eles mordem quando são pisados ou se sentem acuados e seu veneno causa dores insuportáveis durante horas, podendo até mesmo levar a vítima a óbito.

3. Dragão de Komodo

Eles podem chegar a 3 metros de comprimento e ter mais de 100 quilos! Encontrados, exclusivamente, em um conjunto de 5 ilhas indonésias, eles matam devido às bactérias presentes na saliva, que causam infecções mortais.

4. Armadeiras

O veneno dessas aranhas ataca todo o sistema nervoso central, o que impede que a maioria das vítimas recebam tratamento há tempo de sobreviver. A notícia ruim é que elas são bem comuns aqui, no Brasil.

5. Polvo hapalochlaena

Esse polvo colorido de apenas 12 centímetros, comum nos mares da Austrália, tem veneno suficiente para matar até 30 pessoas de uma só vez! O pior de tudo é que nem os trajes de mergulho protegem as vítimas do ferrão desse bicho, um dos mais afiados do mundo.

6. Mosquitos

Em si, não são mortais, mas as doenças que eles podem transmitir são assustadoras e fazem milhões de vítimas, todos os anos, ao redor do mundo.

7. Víbora-tapete

Muito encontradas no Paquistão, na Índia, no Oriente Médio e no norte da África, essa é a espécie de cobra que mais mata ao redor do mundo. O problema com essas cobras é que o veneno, apesar de não matar sozinho, impede a coagulação do sangue e faz com que a vítima, na maioria dos casos, sangre até a morte.

8. Mamba-negra

Elas vivem na África e chegam a se mover a 20 quilômetros por hora. É pela boca que ela injeta em suas vítimas, por meio de suas presas, um veneno tão fatal que pode matar em até 20 minutos por paralisia.

9. Conus

Apesar de parecer inocente, esse molusco injeta em suas vítimas, por meio de uma espécie de arpão guardado na concha, uma mistura fatal de toxinas. Embora existam vários registros de mortes humanas causadas por esse bicho, a verdade é que ele se alimenta mesmo de peixes.

10. Abelha africanizada

A toxina liberada na hora da picada de abelha africanizada pode causar reações alérgicas e, dependendo do caso, pode até mesmo matar a vítima. O grande agravante e o que torna essas abelhas muito perigosas é que elas costumam atacar em grupo, o que, raramente, permite que a vítima sobreviva.

Fonte: Segredos do Mundo