4 casos sinistros envolvendo transplantados e seus doadores

Saiba alguns casos sinistros envolvendo transplantes

1-Jamie ShermanJamie Sherman tinha 24 anos de idade quando passou por um transplante de coração e, curiosamente, a primeira coisa da qual ela se recorda de quando acordou da cirurgia foi de sentir uma enorme vontade de brigar. Isso mesmo, ela voltou da anestesia sentindo uma profunda raiva.Além disso, após se recuperar, a jovem desenvolveu o gosto pela culinária mexicana, especialmente por enchiladas de queijo — prato ao qual ela nunca havia dado muita bola até então. O mistério sobre as novidades só foi solucionado quando Jamie conheceu a família do doador de seu “novo” coração, um rapaz de 29 anos chamado Scott Phillips.Ela descobriu que a comida favorita do moço era a mexicana e que ele era fã de enchiladas de queijo. Mas o mais sinistro foi que Jamie descobriu que Scott havia falecido durante uma briga em um bar, depois de receber uma forte pancada na cabeça.

  2-Sonny GrahamA trágica história de Sonny Graham começou em 1995, após ele passar por um transplante de coração. Ele recebeu o órgão de um homem chamado Terry Cottle — que havia cometido suicídio dando um tiro no próprio pescoço.Alguns anos mais tarde, Graham acabou conhecendo a viúva de seu doador, Cheryl, depois de escrever a ela cartas de gratidão. Então, os dois se conheceram pessoalmente, se apaixonaram e, em 2004, decidiram se casar. Entretanto, em 2008, Graham começou a apresentar um comportamento depressivo — e, assim como Terry, se matou disparando um tiro contra o próprio pescoço.

  3 – Amy TippinsAmy Tippins tinha 17 anos quando passou por um transplante de fígado e, pouco tempo depois de se recuperar, percebeu que passou a sentir grande interesse pelos assuntos de sua comunidade e a desenvolver um profundo senso de moral e dever. Como se fosse pouco, a moça passou a se pegar vagando em lojas de material de construção — e inclusive começou a criar pequenos projetos em casa e a ter vontade de comer hambúrguer o tempo todo.Então, quando Amy encontrou com a família de seu doador, ela descobriu de onde vinham esses novos — e completamente estranhos — interesses. O homem que salvou sua vida era um militar aposentado chamado Mike James, cuja missão pessoal era ajudar e proteger os demais. Além disso, ele adorava construir as mais variadas coisas em casa e tinha os hambúrgueres como uma de suas comidas favoritas.

  4 – Claire SylviaEm 1988, Claire Sylvia, de 47 anos de idade, passou por um transplante de coração e pulmão que salvou a sua vida. No entanto, logo após a cirurgia, Claire relatou que passou por algumas experiências bem estranhas. Tanto que a primeira coisa que ela teve vontade de fazer ao acordar da operação foi tomar uma bela cerveja — embora não fosse muito fã da bebida antes do transplante.Com o tempo, Claire também começou a sentir desejo de comer coisas de que ela não gostava ou sequer tinha provado anteriormente, como pimentões, determinadas barras de chocolate e, a mais esquisita delas, nuggets de frango do McDonald’s. Entretanto, o mais bizarro é que Claire passou a ter sonhos frequentes com um jovem magro que ela acreditava se chamar Tim L.Claire, então, decidiu investigar e, depois de vasculhar os obituários locais, descobriu que um rapaz chamado Timothy Lamirande havia morrido no mesmo dia de seu transplante. O jovem tinha 18 anos de idade e faleceu em um acidente de moto quando voltava para casa depois de passar por um McDonald’s. Claire ainda ficou sabendo que os paramédicos encontraram uma porção de McNuggets com Tim enquanto tentavam salvar sua vida.Calma... tem mais: Claire conseguiu encontrar a família de Tim e descobriu que o rapaz adorava as comidas pelas quais ela subitamente passou a sentir desejo de comer, incluindo a cerveja! O mais interessante é que ela se tornou amiga dos familiares de seu doador e até hoje eles mantêm contato.


Image title

Fonte: megacurioso