40 momentos poderosos de compaixão humana em face da violência

40 momentos poderosos de compaixão humana em face da violência

Um soldado de infantaria é consolado pelo seu camarada.[Guerra da Coréia, c. 1950-1953] 

A comunidade de Ferguson, Missouri, se uniram para proteger as lojas de saques. [2014]


Suboficial Ryan Lee e Valdo se aconchegam num chão de hospital após uma escapada de sorte. [Guerra do Afeganistão, 2011]


Um soldado da Alemanha Oriental ignora ordens para não deixar ninguém passar e ajuda um menino que foi encontrado do lado oposto de sua família, cruzando o recém-formado “muro de Berlim”. [Guerra fria, 1961]


Pvt Dick L. Powell compartilha sua refeição com um cachorrinho. [Guerra da Coréia, c, 1951]


Um médico coloca ataduras no pé lesionado de uma criança enquanto seu irmão mais novo fica olhando. [Segunda guerra mundial, 1944]


Cristãos protegem muçulmanos enquanto rezam durante a revolução egípcia. [Cairo, Egito, 2011]


Um oficial de polícia russo carrega um bebê solto da escola que foi preso por homens e mulheres mascarados e armados na cidade de Beslan. [2004]


Um soldado bósnio cuida de um bebê, que ele salvou durante a evacuação de Gorazde. [1995]


Um soldado soviético recebe água por uma mulher ucraniana após ser capturado. [Segunda guerra mundial, 1941]


Um soldado alemão aplica um curativo em um civil russo ferido. [Segunda guerra mundial, c. 1941]


Um soldado afegão carrega uma criança chorando longe da cena de uma recente explosão. [Guerra do Afeganistão, c. 2001-2014]


Um soldado alemão compartilha as rações com uma mãe russa e seu filho. [Segunda guerra mundial, c. 1941]

Os egípcios abraçam o exército depois que eles se recusam a ordem de atirar em civis [revolução egípcia, 2011]


Jornalista Raymond Walker corre através de uma ponte na França com uma criança que ele salvou da Guerra Civil espanhola. [1936]


Soldados americanos da 4ª Divisão Blindada empurram um carro preso carregado de dois soldados alemães feridos seriamente. [Segunda guerra mundial, 26 de janeiro de 1945]


Joseph Dwyer carrega um menino ferido longe do fogo para segurança. [Guerra do Iraque, c. 2003-2011]


Uma mulher defende um manifestante ferido de um bulldozer militar [Egito, 2013]


Sargento da Marinha Frank Praytor alimenta um gatinho depois que sua mãe foi morta por fogo de morteiro. [Guerra da Coréia, 1953]


Enfermeiro do U.S. Navy Hospital, Richard Barnett, detém uma criança depois que ela foi separada de sua família durante um tiroteio. [Guerra do Iraque, 2003]


Um soldado francês ajuda uma família fugindo da Guerra Civil espanhola. [c. 1938]

Um soldado ucraniano beija sua namorada através do portão de uma base cercada por militantes pró Rússia [2014]

Um soldado jordaniano aquece as mãos de um bebê sírio expulso do país. [Guerra Civil sírias, c. 2013]


Um soldado ferido é consolado por um sacerdote. [El Porteñazo revolta, Venezuela, 1962]


Uma garota tunisiana estente a um soldado uma rosa depois que o exército recusou-se a disparar sobre manifestantes e declarou que ele iria “defender a revolução.” [Revolução tunisina, 2011]


Uma partida de futebol começa entre soldados britânicos e alemães na frente ocidental como abandonam suas trincheiras. [I Guerra Mundial, 24 de dezembro de 1914]


Um menino leva um velho cego pelas ruas destruídas pela guerra. [Guerra da Coréia, c, 1951]


Um soldado americano segura a mão de uma jovem afegã. [Guerra do Afeganistão, 2010]

Um soldado compartilha água e comida com três filhos em Saipan. [c. Julho de 1944]


Soldados alemães brincam com uma gatinha perdida. [Segunda guerra mundial, c. 1943]


Três soldados alemães ajudam um francês preso nas áreas lamacentas de Verdun. [I Guerra Mundial, c. 1916]


Fonte: razoesparaacreditar.com