6 coisas que só uma pessoa "nervosinha" enfrenta no cotidiano

Alguns comportamentos que só quem é "nervosinha" vai entender

Ser mais paciente é algo todos devem tentar melhorar a cada dia. Mas é bastante mais difícil para quem é uma pessoa impaciente. Pessoas nervosinhas desejam serem recompensadas instantaneamente. Elas querem que tudo aconteça imediatamente, para que possam ver os resultados.

O problema é que o mundo não é um lugar amigável para os impacientes. Algumas tarefas diárias que parecem simples ou rápidas, por vezes, parecem ser baseadas na clássica lei de Murphy. Abaixo, alguns dos piores pesadelos cotidianos para uma típica nervosinha.

Provas de paciência

1. Na sala de espera do consultório médico
Você marcou uma hora com semanas de antecedência. Você fez tudo certo, mas agora está sentada em uma cadeira desconfortável, lendo a única revista disponível (um jornal médico do ano passado), rezando para a secretária chamá-la antes que você tenha que ler um estudo de 10 páginas sobre doenças de pele porque o celular já te cansou.


Publicidade

2. No shopping com amigas se você não vai comprar nada
Esperar enquanto outros experimentam montanhas de roupas é chato, especialmente se você não tem dinheiro e nenhuma razão para abordar as coisas que custam dinheiro.

3. Até que a água ferva para cozinhar macarrão
Por que a ciência ainda não conseguiu encontrar uma maneira de fazer ferver a água em segundos? É sobretudo enlouquecedor quando você tem uma fome insuportável.

4. Esperar respostas do WhatsApp de quem não lê a mensagem
Você conhece as pessoas. E algumas, como aquele cara difícil, não sabem usar ou se acham muito ocupadas para não responder suas mensagens. Às vezes, dá vontade de enviar “????????”, mas isso seria um pouco demais. Então, basta lhe enviar um emoji.

5. Aguardar qualquer compra feita on-line
É básico você receber um e-mail dizendo que a compra foi enviada e, ela chegar um mês depois. E isso é torturador, ainda mais para você que resolveu comprar pela internet porque não queria esperar até a próxima viagem com passagem pelo duty free.

6. Enfrentar o tráfego pesado diariamente
Você poderia encarar essa prisão como um tempo para ouvir música, ler e pensar, mas na verdade, você usa esse tempo para sentir pena de si mesma. Quando você fica presa de uma a quatro horas por dia no trânsito, ir para casa do trabalho, realmente faz você repensar a vida em geral.


Image title

Fonte: bolsademulher