8 coisas que você não sabia sobre os pandas

8 coisas que você não sabia sobre os pandas

Cerca de 40% dos filhotes de panda não sobrevivem um ano

Você com certeza já deve ter parado para pensar como os pandas são fofos. Pensando nisso, fizemos uma lista com algumas curiosidades sobre esses animais. Confira:

1. De acordo com estudos, cerca de 40% dos filhotes de panda não sobrevivem um ano após o nascimento.

2. A civilização humana está diretamente ligada ao risco de extinção dos pandas, já que um dos fatores de risco para esses animais é o devastamento de florestas para a implementação de áreas de cultivo.

3. Os filhotes de pandas são animais extremamente frágeis. Além de serem muito pequenos, os filhotes também são cegos, o que os transforma em presas muito vulneráveis.

4. A maior concentração de pandas está na China, onde vivem majoritariamente em florestas com vasta quantidade de bambu – cujas folhas servem como principal (muitas vezes único) alimento destes animais.

5. Durante muito tempo os chineses costumavam caçar os pandas, acreditam que os animais garantiam uma espécie de proteção contra poderes malignos quando eram abatidos. Hoje em dia, felizmente, existem penas extremamente severas para quem caçar esses animais.

6. Apesar da fama de animais dóceis e inofensivos, os pandas podem ser muito perigosos, principalmente os que vivem de forma selvagem. No entanto, mesmo dentro de cativeiros e parques protegidos, eles podem causar muitos problemas caso você não saiba o que está fazendo. Não são poucos os casos de pessoas que tentaram afagar pandas e acabaram se machucando feio.

7. Quando percebem que a comida está ficando escassa em determinado lugar, os pandas podem escalar subir montanhas de até 4000 metros para encontrar mais comida.

8. Os pandas infelizmente fazem parte da lista de animais ameaçados de extinção. De acordo com o portal ‘National Zoo’, dos Estados Unidos, a população destes animais conta com aproximadamente 1600 indivíduos, sendo que pelo menos 300 vivem em parques protegidos e isolados.

Fonte: Misterios do Mundo