Após sobre bullying na escola garota se vinga de maneira brilhante

Louise pensou em recusar o convite mas pensou bem e fez melhor

Todo mundo já sofreu bullying pelo menos uma vez na escola, e certamente desejou ter a chance de dizer algumas verdades para os autores das brincadeirinhas de mau gosto.

Louisa Manning teve essa oportunidade e respondeu a um dos responsáveis pelas violências psicológicas que sofria de um jeito interessante.

Quando a menina tinha 12 anos ela sofria bullying devido ao seu peso e também por ter muitos pelos espalhados pelo corpo. Alguns estudantes a chamavam de “besta humana”, resultando na falta de confiança em Louisa.

Image title

Hoje com 22 anos Louisa fez o que sempre sonhou, se vingou de quem costumava ofendê-la. O rapaz a encontrou na faculdade e a chamou para sair, marcando o encontro pelo Facebook, sem lembrar-se de quem se tratava.

Ela disse que no primeiro momento sentiu raiva e pensou em dizer não. “Eu estava muito chateada pelo convite, para ser honesta. Isso realmente me deixou com raiva, agora que sou atraente ele quer instantaneamente ir para cama comigo.”

Image title

Mas Louisa viu a oportunidade de dar, finalmente, uma resposta ao rapaz e aceitou o convite. “Eu percebi que era uma oportunidade brilhante, e depois de pensar em algo juntamente com um amigo por algumas horas, tivemos uma ideia.”

A moça marcou um encontro com o rapaz em um restaurante, mas chegou mais cedo no local e pediu para a garçonete  lhe entregar uma fotografia, com uma mensagem no verso, quando ele chegasse.

A mensagem estava no verso de uma foto de Louisa quando tinha 12 anos.

Hey,

Me desculpe por não poder acompanhá-lo esta noite.

Lembra-se do oitavo ano, quando eu era gorda e você fazia piada com meu peso? Não? Eu lembro – passei os próximos três anos comendo menos do que uma maçã por dia. Então eu decidi pular o jantar.

Lembra-se da monocelha que você zombava? As pernas peludas que você tinha nojo? De como todos os dias por três anos, você e seus amigos me chamaram de besta humana? Não, talvez você não lembre – ou você não veria como eu estou oito anos depois e me consideraria interessante o suficiente para me tratar como um ser humano.

Pensei em te enviar isto como um lembrete. Da próxima vez que pensar em mim, imagine aquela garota que está nesta foto, porque foi com ela que você marcou um encontro.

Louisa.

Fonte: Tudo Interessante