Cachorro é encontrado com patas amarradas dentro de saco plástico

O cãozinho foi batizado de Trax.

Um cão que foi amarrado e jogado em um saco plástico ao lado de uma linha ferroviária em Helderberg, na África do Sul, provavelmente teria morrido se não fosse pelo pastor aposentado que correu em seu socorro nesta segunda-feira (13).

Lourens van Wyk, 67, contou ao site News24 que um homem bateu no portão na igreja Missão da Fé Apostólica para avisar sobre um pacote ao lado da linha de trem.

"Estava chovendo e fui com meu carro pela estrada. Vi que havia um saco plástico no chão. Parecia que poderia ser um bebê", contou. "Cuidadosamente rasguei o pacote e vi que era um cachorro. Fiquei chocado. Ele parecia muito doente e seu pelo estava caindo. Apenas peguei-o e dirigi para uma clínica veterinária".

Image title

O vira-lata estava encharcado da chuva. De acordo com Julia Evans, gerente geral da Sociedade do Bem-Estar Animal de Helderberg, para onde foi levado, o cão estava com o focinho e as patas dianteiras e traseiras amarradas com cadarços. Pelos dentes do bichinho, a veterinária acredita que ele é idoso.

A clínica suspeita que o cão pode ter algum problema neurológico por conta de um tique na cabeça. O cachorro foi tratado para sarna, recebeu anti-inflamatório, além de ter sido vermifugado. "Ele vai ficar aqui até que a sarna esteja sob controle, em seguida, vamos encontrar uma casa que queira adotá-lo", disse Julia.

O cãozinho foi batizado de Trax.

Image title


Fonte: Com informações do Uol