Casal usa pepino como brinquedo sexual e mulher morre sufocada

Ele é acusado de homicídio por negligência

Oliver Dietmann, de 46 anos, está sendo julgado após sufocar acidentalmente sua amante, Rica Varna, com um pepino enquanto o usava como brinquedo sexual. O caso aconteceu na Alemanha.

Oliver, que é casado e pai de uma filha, e a amante estavam em um encontro romântico na casa do alemão quando o incidente aconteceu.

Após alguns drinques, eles subiram para um dos quartos e começaram a fazer sexo. Em determinado momento do ato, o alemão, por falta de vibrador, decidiu improvisar um pepino.

No entanto, depois de enfiar o fruto na boca da amante, Oliver afirmou ter sentido um cheiro de queimado vindo da cozinha e foi ao local averiguar a situação. Ao retornar para o cômodo, ele encontrou a moça caída no chão inconsciente.

"Tentei tirar os pedaços de pepino da sua boca, mas eles estavam tão moles que não consegui pegar nenhum", afirmou Oliver ao juiz.

Os peritos alegaram que o fruto entalou na garganta da vítima e cortou sua via respiratória. Se condenado, o alemão pode pegar até cinco anos de prisão. Ele é acusado de homicídio por negligência. O veredicto final acontecerá nesta sexta-feira (26).


Image title

Fonte: Com informações do UOL