Cervejaria polonesa cria cerveja com aroma de vagina

Parece bizarro mas é verdade, conheça a nova cerveja polonesa!

Você é um amante de cerveja? Adora as cervejas de todos os tipos? Bom, as cervejas geralmente são feitas de água malte lúpulo e leveduras, algumas levam trigo, outras não, enfim, existem muitas coisas que as pessoas podem adicionar na cerveja, mas vocês nunca viram nada igual ao que vamos apresentar nessa matéria. Já pensou em uma cerveja feita com bactéria de vagina? Não, você não leu errado, é bactéria de vagina mesmo.

Pode parecer nojento, mas a cervejaria polonesa chamada Order of Yoni pretende lançar no mercado uma cerveja feita a partir das bactérias que produzem ácido lático encontradas naturalmente na vagina, que foi batizada de “Bottled Instinct”, ou Instinto Engarrafado (bem sugestivo).

As bactérias foram criadas a partir das bactérias da vagina da modelo checa Alexandra Brendlova.Os primeiros seis lotes da cerveja contam com pelo menos 16.600 garrafas. O fabricante da cerveja garante que a cerveja não terá gosto nem cheiro de vagina, e que apenas será aromatizado com o “instinto” feminino da modelo.

Os fabricantes coletaram a bactéria da vagina usando um “pau gynaelogical”, que em seguida foi para um laboratório onde as bactérias do ácido láctico são isolados e limpos, e então multiplicados. As bactérias depois de multiplicadas são combinadas com água, malte, lúpulo e leveduras. Para arrecadar dinheiro para a produção da bebida, a marca lançou uma campanha de financiamento coletivo, mais conhecida como crowdfunding, com o objetivo de arrecadar um capital necessário para realizar o projeto.

Banner da campanha (Crédito: Reprodução da Internet)
Banner da campanha (Crédito: Reprodução da Internet)

Uma das estratégias da marca será utilizar bactérias das vaginas de mulheres desejadas, pois assim poderia ser uma isca para conquistar futuros clientes. A marca também afirma que as modelos que oferecem as bactérias de suas vaginas para a produção da cerveja terá que assinar um contrato com alta penalidade caso a mulher trabalhe com indústria de filmes adultos, prostituição e coisas do tipo.

A marca diz que se ela for 100% financiada, futuramente ela fará cerveja com bactérias das vaginas de mulheres ruivas, negras, brancas e de todos os tipos que existem. Essa não é uma maneira de obter benefícios através das bactérias vaginais, mas sim uma maneira de dizer aos homens e mulheres que eles estão “bebendo uma mulher”.

O mais curioso é que a cervejaria lançou uma campanha de marketing bem inusitada. Os consumidores podem ajudar no financiamento do projeto. Quem contribuir com 39 euros receberá de brinde uma garraga e uma cerveja da marca. E quem doar 10.000 euros receberá uma cerveja especial com as bactérias da vagina de sua namorada.

Image title

Fonte: Fatos Desconhecidos