Com 60 mil pelos só no rosto, homem vira atração bizarra em circo

Ele e sua família são mostrados no documentário Chuy, o homem lobo.

Jesús "Chuy" Aceves, de 41 anos, que é integrante de uma família que sofre de hipertricose lanuginosa congênita, condição mais conhecida como "síndrome do homem lobo", foi obrigado a se tornar atração bizarra de um circo. Apelidado de lobisomem ou homem-lobo, ele sofre preconceito desde quando era criança.

O documentário  Chuy, o homem lobo, aborda o drama enfrentado por Jesús e sua família. Ele, que começou a trabalha em uma tenda  aos 12 anos de idade, logo foi contratado por um circo da região onde morava, na no noroeste do México. Além dele, parentes que possuem a mesma doença passaram a se apresentar no local.

Jesús possui cerca de 60.000 mil pelos somente na região do rosto. Além disso, sempre viveu afastado e teve uma infância difícil. O jeito, sem dúvidas, foi tentar ter uma vida considerada 'normal. Se causou e teve três filhos que nasceram com lanuginosa congênita.

"Nunca antes na história da raça humana ouviu-se falar de uma família tão peluda, e Jesús, o homem-lobo, é o único retrato filmado da família nessa existência", disse o produtor do documentário.

Image title

Image title




Fonte: Com informações do R7