Comer fast food ou tomar suplemento após o treino tem o mesmo efeito, segundo estudo

Os pesquisadores contaram que 11 atletas do sexo masculino foram convidados a jejuar por 12 horas antes de realizarem um treino de resistência de 90 minutos.

De acordo com um novo estudo, comer fast food ou tomar suplemento após o treino tem o mesmo efeito.

O estudo foi realizado por cientistas da Universidade de Montana, EUA, e mostrou que comer fast food logo após ter praticado exercícios físicos pode ser tão bom quanto tomar um suplemento alimentar.

De acordo com estudo, que foi publicado na International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism, não há diferença entre os alimentos consumidos no período de recuperação muscular após a atividade física.

Os pesquisadores contaram que 11 atletas do sexo masculino foram convidados a jejuar por 12 horas antes de realizarem um treino de resistência de 90 minutos.

A refeição realizada cerca de duas horas depois desse treino incluiu, para metade dos atletas, bolos, batatas e suco de laranja, além de batatas fritas, refrigerante e hambúrgueres.

Para a outra metade, estiveram disponíveis suplementos proteicos e energéticos, isotônico, manteiga de amendoim orgânica e cafeína.

Depois de comerem, todos os atletas percorreram 20 quilômetros em bicicletas ergométricas.

Os cientistas chegaram à seguinte conclusão: o desempenho foi o mesmo nos dois grupos de atletas, que foram, posteriormente, colocados em descanso por horas.

A única diferença foi um ligeiro nível de glicogênio maior nos atletas que comeram os fast food. Além disso, nenhum atleta teve qualquer desconforto estomacal.

O glicogênio é usado como “combustível” pelos músculos.

Porém, vale ressaltar que, de acordo com os pesquisadores, os efeitos da ingestão de fast food em longo prazo não são conhecidos.

Fonte: Gadoo