Conheça a máquina que transforma cocô em água limpa; Bill Gates já experimentou

Bill Gates tomou: máquina transforma cocô em água limpa em 5 minutos

Você tem coragem de beber água que até alguns minutos antes era cocô humano? Bom, Bill Gates tem. Afinal, vale tudo para mostrar que o OmniProcessor funciona. A máquina é criação da Janicki Bioenergy, uma empresa que quer mudar o sistema de tratamento de água e saneamento no mundo através de tecnologias mais simples e sustentáveis.


Em seu blog pessoal, Gates descreve que viu “montes de fezes” serem postas em uma caixa grande, entrarem na máquina e serem fervidas e tratadas. “Alguns minutos depois, eu tive a prova do resultado: um copo de deliciosa água potável”, escreveu.

O caldo nojento dos esgotos é composto em média por 80% de água e apenas 20% de biomassa fecal. Ou seja, em 1 kg desse conteúdo, nós perdemos 800 g por causa de uma parcela mínima que contamina tudo. E é aí que entra o OmniProcessor.

Durante o processo, que dura apenas cinco minutos, a máquina transforma água contaminada de fezes em água limpa e energia elétrica — deixando para trás apenas cinzas. No vídeo, Gates explica que mais de 2,5 bilhões de pessoas no mundo não têm acesso a saneamento e que ele pediu para que alguns “engenheiros brilhantes” resolvessem esse problema – e que um deles propôs essa invenção como solução.

O barato é louco, mas o processo é rápido

O refugo cai em uma esteira e chega até alguns tubos, onde toda aquela sujeira é fervida. É ali que o vapor da água é separado do que é sólido. A parte sólida vai para uma fornalha e é transformada em vapor de alta pressão, que vai para um gerador.

O resultado é energia que alimenta a própria máquina e que pode ser distribuída para outros fins. O vapor da água, por sua vez, vai para uma seção de tratamento e sai por uma torneira como água pura e cristalina.

“O sistema de saneamento que nós conhecemos no mundo desenvolvido não é viável em países que ainda estão em desenvolvimento”, diz Doulaye Koné, da Fundação Bill e Melinda Gates. “Então, o que nós precisamos em países em desenvolvimento é um sistema bem simplificado”. Peter Janicki, CEO da Janicki Bioenergy, diz acreditar que a proposta vai dar certo, porque a energia e a água produzidas são um lucro gerado a partir de... cocô.

Durante o evento de apresentação, Janicki abre a torneira e enche um copo do produto cristalino recém-filtrado pela máquina. Bill Gates dá uma bicadinha tímida, como quem está ainda com um pouco de receio, e diz para os presentes: “É água!”

 

Fonte: Tech Mundo