Construção em Marte que pode ser indícios de que há vida alienígena

A sonda flagrou um domo no topo de uma montanha.

Diversos especialistas em astronomia estão intrigados e não é para menos: o veículo Opportunity filmou o que parece ser um indício de vida alienígena em Marte. A sonda flagrou um domo no topo de uma montanha, que parece ter sido construído por algum tipo de forma de vida inteligente. Intrigante? Fica ainda mais!

Apesar dos cientistas estarem de olho na estrutura, os teóricos da conspiração vão mais longe, e afirmam que a estrutura é "uma réplica das Grandes Pirâmides do Egito".

Esses caçadores de vida alienígena dizem que a Nasa está escondendo o que seriam "evidências definitivas" de que Marte possui vida inteligente. Mas cientistas mais sérios engrossam o discurso da vida no Planeta Vermelho. Em março, o físico John Brandenburg afirmou que localizou evidências de que uma antiga civilização em Marte foi bombardeada por armas nucleares.

O site Space World, bastante empenhado em encontrar esse tipo de evidência, afirmou que "essa foi a melhor prova de que estruturas alienígenas estiveram presentes no planeta".

E depois questiona: "E se nós estamos olhando para o que seria uma civilização alienígena tão perto da Terra, isso deveria ser divulgado, não?!"

Mas é possível que eles estejam errados. Assim como muitos ufólogos estiveram na imagem que segundo eles "provava que na Lua" existiam artefatos feitos por civilizações antigas.

Mas o Space World diz que agora é diferente: a foto não é de cima, mas de lado, e revela uma estrutura tridimensional.

Para piorar, o site mostram o que seriam documentos de que a Nasa possui um programa secreto para absorver e implementar tecnologias alienígenas.

Existem outros detalhes a respeito do Planeta Vermelho que podem ser pouco conhecidas, como esse grupo de 'moradores' de lá!
O planeta Marte está no centro do noticiário: a Nasa afirmou ter encontrado fortes evidências da presença de água no planeta vermelho. E também deu detalhes da HI-SEAS (Hawaii Space Exploration Analog and Simulation), missão focada em simular como cientistas viveriam em Marte. As imagens são espetaculares! 

A instalação principal é esse domo branco que funciona com energia solar e mantém suprimentos desidratados. O programa já está em seu quarto ano, o que significa que treinará a terceira tripulação de astronautas. As comunicações por lá têm 20 minutos de delay para respeitar o realismo das dificuldades de uma missão espacial. Essa é a mais longa simulação HI-SEAS, com seis cientistas que estão há mais de um ano perto do vulcão Mauna Loa.

Existe também um projeto de pesquisa complementar que envolve descobrir maneiras de astronautas se divertirem nas horas vagas em Marte. Alguns dos cientistas leem livros, enquanto outros jogam videogames. E todos eles blogam e são ativos na internet, para atualizar a Nasa e o público entusiasta de cada novidade a respeito da simulação. A região foi escolhida a dedo no Havaí. Era preciso que a área fosse seca e quente, o que é favorecido pela grande presença de vulcões parcialmente ativos no Havaí.



Image title

Image title

Fonte: Com informações do R7