Costumes brasileiros que são ofensivos em outros países

A cultura em outros cantos do mundo é algo impressionante

A cultura em outros cantos do mundo é algo mesmo impressionante. Você sabia que dar gorjeta em lugares como o Japão e a Coreia do Sul, por exemplo, é algo inaceitável pelos garçons de lá por um motivo que eles acreditam ser justo?

Você sabia que comer na rua, algo que os brasileiros fazem o tempo todo, é algo considerado rude na Ruanda? Confira os costumes do Brasil que são ofensivos em outros países que separamos para você:

Comer onde não sirva comida:

No Brasil, é comum ver alguém comendo um lanche no ponto de ônibus, enquanto caminha na rua, em um lugar público qualquer e não há reclamações de ninguém com isso.

Mas em Ruanda, comer em qualquer lugar que não seja específico para comidas, como um restaurante, por exemplo, é considerado como uma atitude rude e de falta de educação. A cultura lá é de comer apenas em lugares propícios para a refeição.

Dar joinha para alguém:

Aqui no Brasil é muito comum e visto como positivo dar um “joinha” para alguém na rua, um conhecido, como forma de comprimento ou confirmação de uma pergunta etc. Mas no Oriente Médio, dar um “joinha” para alguém não é visto com bons olhos.

Eles levam esse gesto como equivalente a mostrar o dedo do meio para alguém (considerado um gesto ofensivo). Na dúvida, quando estiver no Oriente Médio, apenas sorria ou acene com as mãos abertas.

Deixar o prato sem resto de comida:

Enquanto no Brasil muitas mães agradecem pelos filhos terem comido toda a comida no prato, em países como a China e a Tailândia o ato é tido como ofensivo.

Se você comer toda a comida e deixar o prato limpo eles acham que o anfitrião que te convidou para comer preparou uma quantidade insuficiente de comida.

Chegar atrasado:

No Brasil, é comum tolerar um atraso de alguém para um compromisso, uma reunião, entrar na sala de aula, mas na Alemanha, a coisa é séria e tem tolerância zero para isso.

Os alemães consideram falta de educação atrasar para qualquer tipo de compromisso, mesmo que sejam alguns minutinhos.

Aperto de mão:

Aperto de mãos é uma das coisas mais comuns aqui no Brasil. Ele é usado para cumprimentar alguém, se despedir etc. Mas nas Filipinas, isso não é visto com bons olhos.

Eles consideram o aperto de mão algo agressivo e até desrespeitoso. No máximo, fique com o cumprimento pela voz.

Gorjeta ao garçom:

Dar gorjeta para o garçom, no Japão e na Coreia do Sul, é algo que pode gerar problemas para você. Os garçons nestes lugares não aceitam a sua gorjeta porque acreditam que não precisam de incentivo extra e sentem orgulho do trabalho que fazem. Mesmo se você insistir e deixar a grana na mesa, o garçom vai até você e te devolve o seu dinheiro.

Pizza com katchup:

Em alguns países onde o costume de comer pizza é cultural, como na Itália, por exemplo, pedir um ketchup para colocar em cima da pizza é considerado quase uma ofensa grave, todo mundo vai te olhar com uma cara de bastante nojo. Eles acreditam que isso é de certa forma um insulto ao chef que preparou o prato, já que ele sabe exatamente quais ingredientes deve colocar.


Joinha não é bem recebido no oriente médio
Joinha não é bem recebido no oriente médio
Fonte: Ultra Curioso