Dermatologista afirma que "raspar" o rosto com lâmina traz benefícios à pele

Quer tirar algumas dúvidas sobre o assunto? Daniela Landim elaborou algumas orientações para os oleitores do Tempo de Mulher e que você confere a seguir!

Recentemente, o jornal britânico Daily Mail causou polêmica ao publicar a informação de que a técnica de "raspar" a pele com lâmina pode trazer benefícios à cútis. Sim, e isso valeria também para as mulheres. O procedimento é exatamente igual a maneira com que os homens fazem a barba. Há quem diga que Elizabeth Taylor, Marilyn Monroe e Cleópatra eram adeptas dessa técnica.Ainda de acordo com o Daily Mail, o uso da lâmina é um hábito saudável e ajuda a retardar o envelhecimento da pele.

Segundo reportagem do jornal, novos produtos já estão chegando ao mercado para as mulheres que desejarem, por exemplo, colocar espuma na face para usar a lâmina regularmente.Alguns especialistas defendem que esse procedimento ativa a produção de colágeno e reduz as rugas. “Ao raspar o rosto há remoção de células mortas e, consequentemente, renovação celular”, explica Daniela Landim, dermatologista com especialização em medicina estética.

Quer tirar algumas dúvidas sobre o assunto? Daniela Landim elaborou algumas orientações para os oleitores do Tempo de Mulher e que você confere a seguir!

Existe alguma contraindicação?
Em algumas pessoas, o ato frequente de raspar o rosto pode fazer com que aconteçam "pequenos traumas" na pele. Estes que, com o decorrer do processo, pode acabar escurecendo a cútis.

Cuidados
A técnica exige higiene impecável da pele e da lâmina. Caso contrário você corre o risco de ter processos inflamatórios e ou infecciosos na pele.

Pele do homem x mulher
As diferenças entre as peles do homens e da mulheres são basicamente hormonais.No caso dos homens, por exemplo, tem o fato dos pelos serem mais espessos, o que exige uma manutenção mais eficiente.Mas os benefícios são os mesmos.

Quantas vez por semana devo fazer?
Pode ser feito em torno de duas vezes na semana. Como há uma remoção de células mortas, explica a dermatologista, recomenda-se o uso de antioxidantes [que combatem o envelhecimento da pele] e de clareadores, que têm sua penetração e eficácia garantida e mais aproveitada.

A pele não fica sensível?
Não. A pele fica normal.Os pelos crescem em direções diferentes e as pontas com formatos distintos dão a impressão de pelo grosso, mas isso é MITO.

Fonte: Msn