Descubra porque Steve Jobs mantinha os seus filhos longe dos iPhone

Descubra porque Steve Jobs mantinha os seus filhos longe.

Em uma entrevista, pelo telefone, ao jornalThe New York Times, em 2010, o falecido senhor Steve Jobs, um dos maiores gênios, já conhecidos, da tecnologia, contou ao repórter Nick Bilton que limitava o tempo de uso de aparelhos eletrônicos, por parte de seus filhos.

Uma das perguntas feitas foi: “Seus filhos devem amar o iPad, não?” Surpreendentemente a resposta obtida foi: “Não, eles ainda não o usaram. Nós limitamos o tempo que as crianças podem usar tecnologia em casa.” Bem, ninguém melhor para entender os perigos tecnológicos do que aqueles que desenvolvem a própria tecnologia.

Bilton ficou extremamente surpreso, afinal, ele imaginava a casa do C.E.O da Apple como um paraíso nerd, no qual as paredes seriam cheias de telas sensíveis ao toque, que a mesa de jantar seria feita de iPads e que ao invés de chocolates haveriam iPhones nos travesseiros dos convidados.

Publicidade

1.http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/1.-2.jpg 650w" sizes="(max-width: 600px) 100vw, 600px">

Nick ainda conta que, após essa conversa, teve a oportunidade de conhecer e conversar com outros chefes-executivos e capitalistas de risco que, também, afirmaram limitar as horas de uso de tecnologias para seus filhos, como por exemplo: proibir o uso em noites de épocas de aula e sendo rigorosamente cronometradas as horas aos finais de semana.

O que para nós soa bem estranho, levando-se em consideração que a maioria dos pais criam seus filhos de maneira a deixá-los a vontade, navegando dia e noite num mundo de telas brilhantes.

3.http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/3.-3-768x432.jpg 768w, http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/3.-3-1024x576.jpg 1024w, http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/3.-3.jpg 1280w" sizes="(max-width: 600px) 100vw, 600px">

O repórter ainda relata que Chris Anderson, ex-editor da revista Wired e atual chefe-executivo da 3D Robotics (fabricante de drones), impôs limites de tempo e controle dos pais em todos os aparelhos de sua casa e família.

“Meus filhos acusam minha esposa e eu de sermos fascistas e exageradamente preocupados com tecnologia, e dizem que nenhum de seus amigos enfrentam as mesmas regras”, ele disse sobre seus cinco filhos, com idades entre seis e dezessete. “Isso se deve por termos vistos os riscos da tecnologia pessoalmente. Eu já vi, e não quero que isso aconteça com meus filhos.”

Quando ele diz riscos, se refere a exposição de conteúdos prejudiciais, como a pornografia, bullying de outras crianças e até mesmo de se tornarem viciados em seus aparelhos.

4.http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/4.-3-500x500.jpg 500w, http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/4.-3.jpg 512w" sizes="(max-width: 500px) 100vw, 500px">

Outra é a chefe-executiva Alex Constantinople, da OutCast Agency, uma empresa de comunicação e marketing que possui foco em tecnologia. Ela conta que seu filho mais novo, de cinco anos, é proibido de usar aparelhos eletrônicos nos finais de semana, e que os mais velhos, dez e treze, só podem usar durante meia hora por dia à noite, nos dias de aula.

5.http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/5.-768x511.png 768w, http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/5..png 850w" sizes="(max-width: 600px) 100vw, 600px">

Evan Williams, um fundador do Blogger, Twitter e Medium, e sua esposa, Sara Williams, disseram que ao invés de iPads, seus filhos pequenos possui vários livros, que podem pegar e ler a qualquer momento.

A dúvida vem quando, como saber quanto tempo seus filhos podem usar aparelhos eletrônicos? Num geral, a resposta está de acordo com a idade. Por exemplo, crianças com menos de dez anos são mais suscetíveis ao vício, por isso esses pais não permitem qualquer tipo de contato com esses aparelhos durante a semana, e nos fins de semana há a permissão para o uso, durante trinta minutos, de iPads e smartphones. Já para os que possuem entre dez e quatorze o uso de computadores é permitido em dias de aula, apenas para lição de casa.

De acordo com Anderson, a regra número 01 é: “Nada de telas no quarto. Ponto. Nunca.”

6.http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/6.-2.jpg 609w" sizes="(max-width: 600px) 100vw, 600px">

Alguns desses pais são rígidos quanto ao que seus filhos podem ou não fazer com essas tecnologias. Ali Partovi, um fundador do iLike e consultor do Facebook, Dropbox e Zappos, afirmou que deve haver diferenciação entre o tempo gasto “consumindo” e o tempo “produzindo” em frente às telas.

“Assim como eu não sonharia em limitar quanto tempo uma criança pode passar com seus pincéis, ou tocando piano ou escrevendo, eu acho absurdo limitar o tempo gasto criando arte no computador, editando vídeo ou fazendo programação”, disse ele.

81VStYnDGrLhttp://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/81VStYnDGrL-768x1170.jpg 768w, http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/81VStYnDGrL-672x1024.jpg 672w, http://www.fatosdesconhecidos.com.br/wp-contenthttp://static.meionorte.com/uploads/2016/04/81VStYnDGrL.jpg 1399w" sizes="(max-width: 328px) 100vw, 328px">

Nick Bilton escreveu ainda que nunca perguntou a Steve Jobs o que seus filhos faziam ao invés de estarem vidrados e submersos no mundo dos aparelhos eletrônicos. Mas perguntou a Walter Isaacson, autor do livro Steve Jobs, quem passou muito tempo ao lado de Jobs. E a resposta foi o sonho de muitos pais:

“Toda noite, Steve fazia questão de jantar na grande mesa longa na cozinha deles, discutindo livros e história e uma variedade de coisas. Ninguém nunca pegava um iPad ou computador. As crianças não pareciam nem um pouco viciadas nesses aparelhos.”

E você, quanto tempo passa navegando na internet ou assistindo tv/seriados no computador? Será que não é hora de repensar esses hábitos?

Fonte: http://www.fatosdesconhecidos.com.br/