Diagnóstico de câncer feito por cachorros é 98% confiável, diz pesquisa

O estudo feito por cientistas italianos confirma testes realizados por uma instituição inglesa no ano passado

Uma pesquisa descobriu que o olfato dos cachorros consegue detectar, com 98% de acerto, casos de câncer de próstata em homens adultos.

O estudo feito por cientistas italianos confirma testes realizados por uma instituição inglesa no ano passado.

Na pesquisa da Inglaterra, os cientistas registraram uma taxa de precisão de 93% no diagnostico de câncer de próstata e bexiga feito pelo olfato de cachorros.

A pesquisa mais recente, feita por um centro de pesquisas de Milão, usou dois pastores alemães que cheiraram a urina de 900 homens, 360 deles com câncer de próstata e 540 deles saudáveis.

Os cientistas descobriram que um dos cachorros acertou 98,7% dos casos, enquanto outro acertou 97,6%. Os resultados foram publicados na revista cientifica Journal of Urology.

Os pesquisadores afirmam que os cachorros são capazes de diagnosticar o câncer de próstata a partir de compostos voláteis orgânicos presentes na urina dos pacientes.

O câncer de próstata é o segundo tipo de câncer mais comum em homens, com quase 15% de todos os casos do mundo todo.

Ainda não existe um teste único e definitivo para o câncer de próstata. Atualmente, o método de diagnostico mais comum é o exame de toque, aliados com biópsias e exames de sangue.

 

Fonte: MSN