Especialistas explicam por que os homens traem; descubra

Uma pesquisa da Universidade Federal do Rio de Janeiro aponta que 60% dos homens traem, contra 47% das mulheres.

Já ouviu aquele ditado que diz que os homens não pensam com a cabeça que deveriam? Apesar de chinfrim e um pouco infeliz, ele chega a fazer algum sentido. De acordo com a antropóloga evolucionária Jane Lancaster, da Universidade do Novo México (EUA), os homens não são naturalmente monogâmicos. Por mais que tenham evoluído socialmente no sentido de aceitarem compromissos com uma única pessoa, a genética tende a falar mais alto e eles buscam o progresso evolutivo, como todo animal. O que isso significa? Disseminar seus genes! Encontrar parceiras de, supostamente, alta qualidade genética e, enfim, espalhar seu esperma por aí. Uma pesquisa da Universidade Federal do Rio de Janeiro aponta que 60% dos homens traem, contra 47% das mulheres. (Usaremos relações heterossexuais como base neste post)


O psicoterapeuta M. Gary Neuman, autor do best seller "The Truth About Cheating", fez uma pesquisa e garante que a principal razão para os homens traírem é a insatisfação emocional. Se eles não acham que são suficientemente admirados pela parceira, vão correr atrás de outra mulher. Atração física seria o segundo motivo, de acordo com Neuman.

Cerrta vez, passei pela experiência de me apaixonar por um cara comprometido, que teoricamente se apaixonou de volta por mim (o que provavelmente foi apenas a desculpa que ele usou pra espalhar seu material genético por aqui). Baseada nessa pesquisa de campo e nos dados que levantei para este texto, vamos à minha teoria:

Traem porque precisam sentir-se importantes
Não é só sexo! Bate um coraçãozinho naquele peito cabeludo. Homens também são sensíveis, carentes e buscam emoções mais fortes, principalmente quando o relacionamento já entrou na velha e morna rotina. Querem romance, querem provar pra si mesmos que sabem seduzir, querem aquela sensação de conquista, de macho alfa.

Traem porque estão sexualmente insatisfeitos
Podem estar casados com a Stoya, não importa. Se o sexo é muito importante pra esse cara, isso é via de regra. Uma hora ele vai pular a cerca porque precisa ir além. Ou quer mais, ou quer diferente, ou quer descobrir outros 50 tons. Sexplorers will be sexplorers.

Traem porque têm certeza que não serão pegos
Eles acham que estão acima do bem e do mal, é impressionante. Que não deixam nenhum rastro e não provocam nenhuma suspeita. Podem estar esfregando o affair na cara de meio mundo, acham que são inatingíveis.

Traem porque, no fim, a culpa não será deles, mas da "vagabunda que seduziu"
Não importa se a amante é solteira, se não deve nada a ninguém, se nunca nem viu a cara da corna, se se deixou seduzir exatamente na mesma medida que o cara. A culpa é dela. Porque né, a mulher é quem enfeitiça, dá em cima, arrasta o coitadinho e abusa dele. Pobrezinho, mal se mexeu. O inocente é a vítima (contém ironia). É assim que a sociedade machista vê, como se casos extraconjugais fossem um direito adquirido pelos homens, que deveriam ser evitados apenas pelas mulheres.

Traem porque serão perdoados
"Jogar fora tantos anos de história? E os filhos? Mas ele ainda me ama. Está arrependido. Estava bêbado. Não vai fazer mais. A culpa nem foi dele, foi daquela vaca"... Preguiça, sentimento de posse, dependência emocional ou financeira, não importa o motivo. A maioria perdoa. Assina um atestado de que vai ser enganada pelo resto da vida? Possivelmente. Mas perdoa.

Traem porque não sabem o que é ser leal
Ficar com alguém uma vez ou outra é ser infiel. Ter um outro relacionamento paralelo ao oficial, cultivar o sentimento de alguém com quem não planeja ficar, enquanto continua fazendo planos normalmente com a oficial, é ser desleal. E essa é a grande diferença entre homens e mulheres na hora de trair. Elas traem? Sim. Igualmente! Elas levam vidas duplas sem previsão de acabar com aquilo e assumir o que sentem? Bem mais dificilmente.

Poligâmicos, todos somos. Aventuras sexuais, todos queremos. Sentir que somos incríveis e sedutores, todos almejamos. Entender o que é lealdade, poucos conseguimos.

 

Fonte: Brasil Post