Estudo aponta que bebidas quentes podem causar câncer

Estudo aponta que bebidas quentes podem causar câncer

Um estudo feito em 1991 mostrou que beber café aumenta o risco

Um estudo feito em 1991 mostrou que beber café aumenta o risco de câncer. A bebida foi classificada como sendo “possivelmente cancerígena para os seres humanos”.

Porém, a Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer (IARC) apontou que que beber bebidas em temperaturas muito altas provavelmente contribui para o câncer no esôfago.

O estudo sobre o café foi feito em 1991 e hoje não é considerado confiável. Algumas descobertas inclusive sugerem que o café reduz o risco de alguns tipos de câncer, como no fígado.

O estudo mostrou que, o risco não é uma consequência do tipo de bebida que pode originar o câncer, e sim a temperatura.

Isso porque bebidas quentes causam danos nos tecidos, particularmente na mucosa do esôfago, mas lesões por escaldamento de tecidos não são conhecidas por causar câncer. Os dados experimentais sugerem que o câncer pode surgir quando a lesão do tecido entra em contato com um agente cancerígeno, como a nicotina.

Pesquisas recentes contam que existe um grande número de exemplos, em que a exposição a agentes cancerígenos combinados com lesões crônicas ou inflamação foram relevantes para o surgimento do câncer.

Fonte: Climatologia Geografica