Família adota urso pensando ser cachorro e só descobre após 2 anos

A família acreditava ter adotado filhote de um mastim tibetano

Uma família chinesa após acreditar que teria adotado um cachorro devolveu o animal ao descobrir, dois anos depois, que na verdade se tratava de um urso. O caso aconteceu na cidade de Kunming, na província de Yunnan.

Segundo o Independent, Su Yun e sua familia adotaram um animal que acreditavam ser um filhote de cachorro da raça mastim tibetano. Logo no início, os hábitos peculiares do animal chamaram atenção dos seus novos tutores. "Ele comia uma caixa de frutas e dois baldes de macarrão todos os dias", disse a mulher ao falar sobre o urso que até então era tratado como cachorro.

 (Crédito: Reprodução/Youtube)
(Crédito: Reprodução/Youtube)

Conforme o "cão" crescia, a família ficava ainda mais intrigada. O animal passou a andar com apenas duas patas e não parava de crescer, algo que não aconteceria com um mastim tibetano, o animal que eles achavam que tinham comprado em 2016.

Tempos depois o animal chegou aos 113 kg e com isso a família percebeu a confusão. "Eu tenho um pouco de medo de ursos", declarou Yun para a imprensa local.Após descobrirem a confusão, a família contactou autoriddes e pediram ajuda para o Centro de Resgate Animal de Yunnan, onde o animal está vivendo desde que sua natureza foi revelada.

Na realidade, ele não está nem perto de ser um mastim tibetano, pertencendo à espécie dos ursos-negros-asiáticos, que estão ameaçados de extinção e são vendidos por milhares de dólares no mercado negro.

Fonte: IG
logomarca do portal meionorte..com