Fotógrafo brasileiro flagra ataque de tubarão branco a foca

Ataque é rápido e silencioso, relata o fotógrafo carioca

O fotógrafo brasileiro Daniel Botelho já havia mergulhado ao lado de tubarões-brancos no México e na África do Sul. No mês passado, conseguiu realizar um sonho antigo de voltar ao país africano e clicar o animal fora d’água, em ação predatória.

Ele passou três meses em Gansbaai, a 150 km da Cidade do Cabo, e registrou os animais atacando focas no corredor lar de tubarões entre uma ilha e uma grande pedra a cerca de 5 km da costa.

As fotos feitas a partir de diferentes ângulos do ataque mostram que, ao avançar sobre a presa, o tubarão projeta seu corpo de mais de uma tonelada totalmente para fora da água. “Esse é um ataque impressionante, que considero uma das predações mais poderosas que já vi na natureza”, diz o fotógrafo.

A raridade e a agilidade desse poderoso ataque conduziram a preparação do trabalho de Daniel. Segundo o fotógrafo, um flagrante desses acontece a cada sete dias. No entanto, o tempo ruim, a agitação marítima e águas turvas fizeram com que a estatística se alongasse.

“É um desafio muito grande fotografar um animal rápido. É um ataque muito rápido, então eu precisava usar uma abertura extremamente rápida em uma condição de baixíssima luz. Se esperar o tubarão subir para fazer a foto, acabou”, conta.


Fotógrafo Daniel Botelho capta tubarão-branco em ação (Crédito:  Daniel Botelho)
Fotógrafo Daniel Botelho capta tubarão-branco em ação (Crédito: Daniel Botelho)
Ataque de tubarão-branco a foca é rápido e silencioso (Crédito:  Daniel Botelho)
Ataque de tubarão-branco a foca é rápido e silencioso (Crédito: Daniel Botelho)
ubarão-branco projeta o corpo para fora d'água ao atacar foca  (Crédito:  Daniel Botelho)
ubarão-branco projeta o corpo para fora d'água ao atacar foca (Crédito: Daniel Botelho)
Corredor de tubarões fica a 150 km da Cidade do Cabo, na África do Sul  (Crédito:  Daniel Botelho)
Corredor de tubarões fica a 150 km da Cidade do Cabo, na África do Sul (Crédito: Daniel Botelho)
Fotógrafo captou diferentes ângulos do ataque dos tubarões-brancos na África do Sul  (Crédito: Divulgação)
Fotógrafo captou diferentes ângulos do ataque dos tubarões-brancos na África do Sul (Crédito: Divulgação)
Tubarão-branco é flagrado em ação predatória na África do Sul  (Crédito:  Daniel Botelho)
Tubarão-branco é flagrado em ação predatória na África do Sul (Crédito: Daniel Botelho)
Fonte: Com informações do G1