Homem com assinatura de pênis entra com ação na justiça Australiana

O australiano assinava vários documentos com o símbolo fálico

Jared Gregory Hyams travava a cinco anos uma batalha com a Justiça da Austrália para poder assinar documentos com o desenho de um pênis.

O australiano de 33 anos assinava vários documentos com o símbolo fálico: carteira de motorista no estado de Victoria, abertura de conta corrente em banco, cartão de saúde pública e cartão da Universidade de Victoria, entre outros.


Mas surgiram problemas. Jared teve um passaporte recusado por causa da assinatura peniana. Autoridades alegaram que ela poderia constituir "crime sexual". Além disso, o Departamento de Justiça não liberou autorização para que o australiano pudesse trabalhar em projetos sociais com crianças e a Comissão Eleitoral por conta da assinatura “diferente”. Nem a notificação da sua mudança de endereço, ele pode assinar.

”Achei que eles aceitariam e, no ano seguinte, eu faria outra coisa, infelizmente vivemos em um mundo sem liberdade de expressão” , comentou o australiano.

Fonte: Com informações do Page not found