Homem morre e esposa guarda corpo embaixo de edredom por um mês

O homem sofria de doença de Parkinson e morreu há um mês.

Lidar com a perda de um ente querido pode demorar tempo e exige de cada um  principalmente coragem e, se necessário, ajuda de um médico ou psicólogo. Uma mulher de nome Suzanne, de 43 anos, não suportou a dor de ver o marido morrer e resolveu guardar o corpo por mais de um mês. 

O marido dela, identificado como  Richard Brown, que sofria de Parkinson, morreu em 31 de dezembro de 2015. Desesperada, escondeu o corpo do marido embaixo do edredom. Questionada por amigos e familiares sobre a ausência do amado, dizia que ele estava em uma casa de repouso. Além disso, passava localização ou endereço errado, para que ninguém descobrisse nada.

Outro mistério foi sobre as causas da morte. A médica que realizou os primeiros procedimentos, Amanda Jeffery, não soube exp0licar o que aconteceu. “Não havia nada para sugerir que ele tivesse sido abusado ou restringido contra a sua vontade Não foi possível determinar a causa exata da morte", disse.



Fonte: Com informações do Gadoo