Homem picado mais de 160 vezes se torna imune a veneno de cobra

Ele levou picadas de duas das cobras mais letais do mundo

O cientista amador Tim Friede, de 37 anos de idade, dos Estados Unidos se deixou ser picado por cobras venenosas mais de 160 vezes acredita que isso o está tornando imune ao veneno delas. Ele alegou que as picadas o estão fazendo imune ao veneno.

Recentemente, ele levou picadas de duas das cobras mais letais do mundo – uma Mamba-negra e uma Taipan para provar sua hipótese.

Ele contou que vem sendo picado há cerca de 16 anos e que espera que seus experimentos conduzam a uma vacina para mordidas de cobras venenosas.

No entanto, a sua obsessão com a prevenção de mortes por mordida dos répteis em questão quase o levaram à morte em várias ocasiões. Outro efeito negativo a ele foi que sua esposa, Beth, se divorciou em outubro do ano passado por causa de tal obsessão.

Apesar de tudo isso, a experiência parece estar funcionando. De acordo com o Dr. Brian Hanley, um microbiologista da Universidade da Califórnia, os testes mostram que Tim tem agora o dobro do número de anticorpos que possuía anteriormente. Isso significa que ele está ficando cada vez mais perto de desenvolver a vacina que pretende.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Gadoo