Imagens mostram feridas de homem após se contaminar com sífilis

Ele fez o tratamento no hospital de uma universidade em Shenyang

Image title

Um homem que foi contaminado por sífilis ao ter relação íntima de forma desprotegida, teve úlceras dolorosa em sua pele que vão deixá-lo marcado para o resto da vida.

O homem, que não foi identificado, tem 38 anos de idade, e necessitou de tratamento hospitalar após as feridas aparecerem por todo o seu corpo. Ele fez o tratamento no hospital medico de uma universidade em Shenyang, China.

No início da doença as marcas eram apenas nódulos indolores e os médicos disseram que ele poderia ter contraídos a doença sexualmente transmissível meses ou mesmo anos antes.As imagens foram divulgadas por médicos chineses a fim de mostrar os graves efeitos que doença pode ter sobre o corpo humano.Seis meses após o tratamento, o homem ficou com algumas cicatrizes nas regiões onde úlceras mais profundas se desenvolveram.

A sífilis se manifesta através de uma ferida altamente infecciosa nos genitais ou, às vezes, ao redor da boca.Caso alguém entre em contato com a ferida, também pode ser infectado. A ferida some, mas isso não significa que a doença foi curada.Ela volta depois de meses ou mesmo anos. Em casos não tratados a doença pode danificar o cérebro, nervos, olhos, coração, vasos sanguíneos, fígado, ossos e articulações.


Image title

Image title

Fonte: DailyMail