Inseparáveis: Hospital deixa idosos ficarem juntos no mesmo quarto

"Eu simplesmente não consigo ficar longe dela", disse ele.

Um amor tão forte que quebrou regras. Depois de serem internados com problemas distintos, um casal do estado da Geórgia 'forçou' um hospital a quebrar o próprio regulamento para ficarem juntos no mesmo quarto. Isso mesmo, depois de um casamento feliz que dura cerca de 68 anos, a relação de Tom Clark, de 96 anos, e Arnisteen Clark, de 92 ficou um pouquinho mais forte.

Os dois idosos super apaixonados conquistaram a simpatia dos funcionários do hospital estadunidense Piedmont Fayette por serem inseparáveis."Ele chegou dois dias antes dela. Como os dois estavam na ala ortopédica, os quartos não permitem duas camas, então eles não podiam ficar juntos, e isso claramente estava perturbando muito os dois", contou Charlsie Niemic, especialista em mídias sociais do hospital à emissora ABC.

Image title

Foi a primeira vez em que foram separados desde a ida dele à Coreia, ainda quando militar. Percebendo a situação, a coordenadora da ala, Tina Mann, abriu uma exceção e permitiu que os dois ficassem no mesmo quarto por algumas horas. "Ele podia sentar e ficar com ela por algumas horas durante todos os dias", contou.

Para Tom, de 96 anos, a atitude foi muito importante: "Eu não consigo ficar longe dela. Ela é a melhor mulher do mundo". Tanto ele quanto Arnisteen, de 92, vão receber alta nesta sexta (7) e serão realocados para um centro de recuperação.

A atitude de Tina fez Tom ir às lágrimas. “Eu simplesmente não consigo ficar longe, ela é a mulher mais linda do mundo”, disse.

Image title


Fonte: Com informações do Vila Mulher