Jovem desafia padrões e vira a primeira modelo Plus Size deficiente

Após perder partes do movimento da perna, Katie surpreendeu o mundo


Image titleUma jovem britânica de 25 anos está fazendo história na Inglaterra. Katie Knowles, portadora de uma doença degenerativa, chamou atenção de uma agência de modelos e se tornou a primeira modelo plus size com deficiência na Inglaterra.

Aos 15 anos, Katie descobriu que sofria de estenose espinhal degenerativa. Com dores paralisantes, ela passou por uma cirurgia que lhe permitiu retomar atividades tais como andar a cavalo e jogar badminton. Porém, quatro anos depois as dores voltaram e a jovem teve que ser operada de novo.

- Eu acordei e foi a coisa mais assustadora. Eu pensei 'não posso sentir meus membros inferiores.

Após um ano de fisioterapia, seus movimentos foram voltando, mas a sua recuperação não foi completa. Ela perdeu parte dos movimentos da perna direita e o tratamento fisoterapêutico continua e seus remédios para dores ainda são tomados.

Image titleMas durante a reabilitação as forças de Katie foram reabastecidas. A jovem se formou em Direito e conheceu a organização Models od Diversity (Modelos de Diversidade, em inglês) e foi convidada a trabalhar como modelo plus size. A britânica vem dizendo que a experiência vem sendo ótima

- Sempre foi meu sonho, desde criança, ser advogada. Mas, ao mesmo tempo, quando fiquei doente e a oportunidade de ser modelo surgiu e me deu confiança, me devolveu uma vida. Concluiu.



Fonte: www.meionorte.com