Jovens sorriem em selfie durante tiroteio no Rio e viralizam na web

O carioca diz que espera que ninguém se arrisque

Bem-humorados apesar do perigo, os jovens Matheus Adams, de 19 anos, e Rodrigo Ferreira, de 22, sorriram para uma selfie durante um tiroteio em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, e a foto viralizou no Facebook. "Aquela adrenalina boa de quem mora em Caxias", escreveu Matheus, que aparece no chão com outros passageiros, ao publicar a foto tirada por Rodrigo na noite do incidente.

Matheus contou que voltava da faculdade quando ocorreu um assalto ao veículo à frente do ônibus em que estavam. "Só vimos os carros parando e dando ré, e foi quando começaram os tiros e nos jogamos no chão. Aí o Rodrigo e eu olhamos um para o outro e pensamos em tirar a foto", explica. "Não sabíamos da onde vinham [os tiros], mas o nosso espírito jovem de registrar o momento falou mais alto", acrescenta. 

A imagem repercutiu, chegando a mais de 12 mil curtidas e 20 mil compartilhamentos na rede social - e também à mãe do rapaz. "Levei um puxão de orelha da mamãe, né. E o Rodrigo também tomou um esporro pra não fazer aquilo de novo", conta ele. 

O carioca diz que espera que ninguém se arrisque para imitar o que fizeram. "Foi só uma brincadeira espontânea de grande periculosidade. E espero que ninguém faça esse tipo de brincadeira, não aconselhamos".

Segundo ele, com exceção de uma jovem que ralou o joelho ao se jogar no chão, ninguém ficou ferido no incidente, mas os passageiros ficaram em desespero com a situação.

Violência

Matheus, que é estudante de Direito, ainda contou que essa foi a primeira vez que ficou em meio ao foto cruzado, mas que já havia presenciado cenas de tiroteio em Duque de Caxias. "Virou rotina na vida do caxiense vivenciar cenas como esta", diz ele. "Todo dia há um relato de alguém falando: fui assaltado hoje, roubaram fulano ali, entre outros. Frequentemente no nosso Facebook aparece pessoas postando algo do tipo".

O site Fogo Cruzado, que monitora e analisa registros de tiroteios no Rio, apontou que, entre os dias 2 e 22 de maio, foram notificadas 290 trocas de tiros - 11 delas somente em Duque de Caxias, e com 8 vítimas fatais.

Image title

Fonte: Com informações da UOL