Mulher é surpreendida ao descobrir que noivo a traía há mais de 2 anos com sua própria mãe

Uma mulher revelou sua história envolvendo traição incomum. Seu noivo a traía com sua própria mãe há mais de dois anos.

Uma mulher revelou sua história envolvendo traição incomum. Seu noivo a traía com sua própria mãe há mais de dois anos.

Kylie, de 26 anos, vive em Sheffield, na Inglaterra. Ela foi surpreendida ao descobrir que sua própria mãe mantinha um relacionamento com seu companheiro por pelo menos dois anos e meio.

A mulher havia conhecido seu parceiro, Dean, pela internet há pouco mais de cinco anos. Eles começaram a trocar mensagens diariamente, e logo iniciaram um romance.

No seu 21º aniversário ela encontrou o homem pela primeira vez. “Ele me fez rir e me senti nas nuvens”, contou. Foi então que iniciaram um relacionamento. Cinco meses depois o casal se mudou para um complexo de apartamentos. Nos três primeiros anos juntos tudo correu bem. No aniversário de 24 anos de Kylie, ela foi surpreendida após Dean se ajoelhar na frente dos familiares e a pedir em casamento. Cerca de três semanas depois ela descobriu que estava grávida.

“Senti como se tivesse tudo, o homem que amo e um bebê a caminho”, disse a mulher. Apesar disso, o comportamento de Dean começou a mudar à partir daí. Ele se tornou cada vez mais controlador, querendo saber onde a noiva estava indo ou com quem estava.

O homem começou a beber mais, provocando brigas constantes. A mulher pediu ajuda à mãe, Shirley. O apoio da mulher parecia dar resultados.

“Minha mãe conseguia acalmá-lo. Ela tinha um efeito surpreendente sobre ele”, contou. Quando o bebê nasceu, sua mãe se tornou ainda mais presente.

Mas foi então, algumas semanas depois do nascimento, que ela se tornou suspeita após descobrir que seu companheiro e a mãe estavam assistindo filmes com conteúdo para maiores juntos. “Eu tinha ido para cama mais cedo. Minha filha acordou no meio da noite, e escutei o que parecia ser um filme adulto na TV”, contou Kylie. “Quando fui ver percebi o que era, e vi Dean e minha mãe assistindo juntos no sofá”.

Os dois alegaram que haviam colocado o filme errado por engano, e que havia acabado de começar. “Eles disseram que eu estava insegura e paranoica porque tinha acabado de ganhar um bebê. Alegaram que eu estava imaginando coisas”, disse a mulher. Apesar do fato, no dia seguinte eles agiram como se nada tivesse acontecido.

A mulher começou a tomar remédios antidepressivos prescritos pelos médicos, o que manteve sua mãe ainda mais presente em casa. Após algum tempo ela engravidou novamente do noivo, e esperava um menino.

Após o nascimento do segundo filho, o casal começou a ter brigas mais constantes. Kylie decidiu terminar o romance, mas sua mãe a convenceu de que deveria dar outra chance ao parceiro.

O feito parecia ter sido a melhor escolha. “Ele era novamente a pessoa pela qual me apaixonei”, disse a mulher. Os quatro – Kylie, Dean e os filhos – saíram de férias e viveram como uma família.

Mas após algum tempo sua mãe começou a frequentar novamente a casa, e o comportamento de Dean mudou.

Suspeitando de algo, ela olhou no celular da mãe e encontrou uma mensagem do parceiro para a mulher. Foi então que decidiu retornar à casa um pouco mais cedo, e descobriu evidência de que algo teria acontecido.

A mãe estava tomando banho enquanto o parceiro estava de cuecas no quarto.

Ela confrontou a mãe após se separar novamente do marido. Shirley negou a traição durante três meses, mas depois confessou o ocorrido.

No dia seguinte, Dean deixou uma carta na porta da mulher confessando o relacionamento com sua mãe. Esse foi o motivo pelo qual Shirley confessou à filha a traição.


Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Gadoo