ONG simula casamento entre homem e menina de 12 anos; confira

Uma em cada 100 crianças do Líbano se casam antes dos 15 anos

Uma organização de caridade simulou um casamento entre um homem mais velho sendo fotografado ao lado de sua noiva, uma criança de 12 anos de idade, e capturou reações distintas entre os curiosos.

O falso casal estava em um local público do Líbano e encenava tudo. Um homem sem acreditar no que via perguntou: “Ela é sua?”, e o “marido fake” respondeu: “Sim.”, e foi felicitado em seguida.

Image title

No entanto, outros reagiram com raiva. Uma mulher ficou tão chocada com o que viu que interviu dizendo que a menina tinha penas 12 anos e exigia saber onde estavam os pais dela.Outro pessoa que passava no local, argumentou e perguntou se a união era legal.

Um homem perguntou ao fotógrafo se estava feliz em registrar aquele momento e o “marido” interrompeu: “Isso não é da sua conta. Estou com a minha mulher. Seus pais deram permissão”. “Os pais dessa menina são criminosos”. falou uma senhora que não se conformava com a cena.

Image title


A farsa foi criada pela KAFA com a intenção de destacar a questão do casamento infantil no país. Lá a idade para uma menina se casar é definida por tribunais religiosos. Meninas de 14 anos podem se casar sem o consentimento dos pais.

Alguns tribunais já concederam permissão especial para crianças de 9 anos se casarem. Uma em cada 100 crianças do Líbano se casam antes dos 15 anos, de acordo com a UNICEF.

Image title

A prática está aumentando no país, especialmente em campos de refugiados, onde as meninas sírias são forçadas a se casarem jovens. As famílias acreditam que dão uma vida melhor e mais segura às filhas casando-as com homens mais velhos.


Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Gadoo