Paciente expele parte dos brônquios ao tossir

O caso é raro

Um paciente de 36 anos, internado no centro médico no campus de São Francisco da Universidade da Califórnia (EUA) expeliu parte dos brônquios ao tossir muito forte.

O americano, que não foi identificado, estava no CTI após apresentar complicações cardíacas, conforme relato publicado na revista "New England Medical Journal of Medicine".

O caso é raro. Médicos mostraram uma imagem da árvore brônquica (formada pelos brônquios, bronquíolos, ductos alveolares, sacos alveolares e alvéolos, e é responsável por levar o ar aspirado pelas fossas nasais até o pulmão) expelida.

O paciente, que já tinha um marca-passo, foi submetido a respiração artificial, mas morreu uma semana depois.

Brônquis expelidos por paciente cardíaco  (Crédito: Reprodução/New England Medical Journal of Medicine)
Brônquis expelidos por paciente cardíaco (Crédito: Reprodução/New England Medical Journal of Medicine)


Fonte: Com informações do Jornal Extra
logomarca do portal meionorte..com