Pesquisadores afirmam que hábito de trair passa de pai para filho

Os homens traem pelo novo, as mulheres traem quando não estão bem.

Cientistas da Charles University, em Praga já acharam o segredo para se justificar tantos homens e mulheres infiéis no mundo. Basta saber o passado dos pais do traidor. Segundo eles, homens infiéis herdam dos seus pais o hábito de trair, sendo assim, uma ‘traição hereditária'.

Ainda de acordo com eles, ambos os sexos costumam trair, mas somente nos homens a hereditariedade tem seu valor. As mulheres não são afetadas pelo passado cavernoso das suas mães, e os homens seguem o comportamento dos seus pais.

Image title


Segundo eles, a maioria das traições vindas dos homens é porque eles procuram a novidade, algo novo, algo que não seja aquela mesma coisa do dia-a-dia. Já as mulheres só traem quando o relacionamento não vai bem e são consoladas por outras pessoas.

Eles ainda acrescentam que tudo deve ser resolvido na base de muita conversa, se o seu namorado traiu, mas foi apenas uma vez e realmente se mostrou arrependido, não custa nada pensar no futuro e ver se vale a pena perdoar ou não, cabe analisar o tamanho da confiança.

Fonte: Com informações do Vila Mulher