Público rejeita 'novo' Hoje em Dia, e Record sugere Xuxa de manhã

Numa tentativa de salvar o horário (10h/12h), parte da cúpula da emissora já cogita até colocar Xuxa Meneghel apresentado um programa matinal.

Uma pesquisa encomendada pela Record comprova que o público rejeitou a troca de apresentadores do Hoje em Dia, realizada em janeiro. Segundo o estudo, os três novos apresentadores (César Filho, Ana Hickmann e Renata Alves) não têm química juntos e não seduzem a audiência como os anteriores (Celso Zucatelli, Edu Guedes e Chris Flores), tanto que os números do Ibope não melhoraram _pelo contrário, até caíram. Numa tentativa de salvar o horário (10h/12h), parte da cúpula da emissora já cogita até colocar Xuxa Meneghel apresentado um programa matinal.

De acordo com a pesquisa, feita com grupos de telespectadores, o público vê bons valores nos três apresentadores individualmente. Mas os rejeita juntos. César Filho não é visto como um apresentador adequado para o Hoje em Dia. A audiência prefere vê-lo à frente de programas jornalísticos. Igualmente, não aprova Renata Alves como apresentadora. Avalia que ela se dá melhor como repórter e pede sua volta para o Domingo Espetacular. Já Ana Hickmann, por mais que se esforce, não é vista como dona de casa como as donas de casa que assistem ao matinal.

A pesquisa confirma o que o Ibope e as redes sociais já apontavam. O público do Hoje em Dia não gostou da forma como a Record renovou o elenco do programa, trocando o três apresentadores de uma só vez, em anúncio feito na véspera do Natal, após Chris Flores, Guedes e Zucatelli gravarem três semanas de programas inéditos para as férias coletivas. No Facebook, foi criada uma comunidade pedindo a volta dos três ex-apresentadores, e um anunciante do programa foi bombardeado por substituir Chris Flores como garota-propaganda de uma marca de arroz.

Nas últimas duas semanas, o Hoje em Dia deixou de ser o centro das atenções da cúpula da Record. Todas as preocupações agora são com o programa Gugu, que estreou bem, mas caiu no Ibope na segunda semana, e o que fazer com Xuxa, a maior contratação dos últimos anos.

Sobre Xuxa, executivos da área comercial da emissora fizeram uma sondagem junto a influentes publicitários. Na tentativa de sondar oportunidades de patrocínio, apresentaram três possíveis cenários: Xuxa à tarde, como cogitado desde o início, Xuxa à noite, e Xuxa de manhã, concorrendo com o Encontro com Fátima Bernardes.

Ou seja, Xuxa está sendo considerada como uma opção para as manhãs, no lugar do Hoje em Dia, em uma faixa em que a Record já foi forte, batendo a Globo na Grande São Paulo.

Na verdade, a Record ainda não sabe o que fazer com a ex-"rainha dos baxinhos". Depois de pensar em um programa diário vespertino, os dirigentes da emissora estão agora tentados a entregar a Xuxa o horário nobre das quartas-feiras, como alternativa feminina ao futebol na Globo.

Fonte: Uol